16 - jul
  

Alergia ocular – Conjuntivite papilar gigante

Categoria(s): Emergências, Imunologia, Inflamação




Conjuntivite papilar gigante

ALERGIA


hiperemia conjuntival

Aproximadamente 20% da população geral tem alguma forma de alergia ocular e uma significante parte apresenta manifestações oculares, como: prurido e a hiperemia conjuntival, lacrimejamento, secreção mucóide, fotofobia (sensibilidade aumentada à luz), sensação de corpo estranho no olho. As conjuntivites são classificadas em conjuntivite alérgica sazonal, conjuntivite alérgica perene, cérato-conjuntivite atópica, cérato-conjuntivite primaveril e conjuntivite papilar gigante.

Sintomatologia

CPGNa conjuntivite papilar gigante observa-se uma reação papilar do tarso superior, com formação de papilas, com ou sem inflamação da córnea, que levam o paciente a desenvolver diferentes graus de intolerância ao uso das lentes, alegando aumento de sua mobilidade, coceira, fotofobia, ardor, secreção branca, queda da visão e, nos casos mais graves, desenvolvimento de ptose (queda das pálpebras). A manifestação dos primeiros sintomas pode ocorrer meses ou anos depois do início do uso das lentes de contato. Durante a fase inicial, o exame da conjuntiva palpebral pode revelar-se normal ou apenas com discreta vermelhidão. O diagnóstico é feito a partir do estudo da história do paciente e dos sinais físicos encontrados.

Etiologia

Um dos problemas mais freqüentes relacionado ao uso das lentes de contato é a alergia; isto é, a reação do olho contra algo que o está agredindo. Nas fases avançadas da alergia a produção de muco é tal que a lente se torna opaca, desconfortável e extremamente móvel sobre a córnea. A conjuntiva palpebral fica vermelha e inchada, com a vascularização normal oculta; as papilas aumentam em número e tamanho.

tratamento

O melhor tratamento para a conjuntivite papilar gigante é prevenir o seu aparecimento. As consultas periódicas ao oftalmologista – no mínimo, uma vez por ano – são imprescindíveis. O aprendizado sobre limpeza, conservação e troca das lentes é fundamental.

Tags: , ,




Comentário integrado ao Facebook:


Deixe seu comentário aqui !