18 - mar
  

Pigarro – Rinite medicamentosa

Categoria(s): Caso clínico, Fonoaudiologia, Otorrinolaringologia geriátrica




Rinite medicamentosa

 

Interpretação clínica

  • Homem de 62 anos procura o consultório com queixa de pigarro e tosse sêca nos últimos dois meses. Refere ter feito consulta com clínico geral que medicou com anti-alérgico sem melhora. Tem tomado muita água, pois está constantemente com a boca sêca, mas sente descer pela garganta uma secreção muito espessa, que não é eliminada com a tosse. Apesar de estar tomando bastante água está tendo dificuldade para urinar. Trabalha como gerente de banco e o local de sua sala é frio pelo excesso do ar condicionado. Acha que isso está causando uma renite alérgica ao frio.
  • Sabe ser hipertenso há 5 anos, controlado com propranolol 40 mg, 2 vezes ao dia. Seu último exame com o cardiologista foi há 5 meses e os exames laboratoriais, inclusive para diabetes, estavam normais. Nega outras doenças. Quando criança fêz tratamento para bronquite.

Como entender o caso?

A rinite perene nos idosos raramente é causada por alergia. Neles, os mecanismos responsáveis, geralmente são causados por desequilíbrio autonômicos, sequelas de desordens nasais prévias e uso de medicamentos.

Um dos melhores exemplos de hiperatividade nasal no idoso é o “gotejamento nasal”, uma rinorréia aquosa clara e profusa que forma um gotejamento para a rino (posterior) e a orofaringe, como o que está ocorrendo nesse caso.

A rinite medicamentosa se constitui outro importante grupo do ponto de vista nosológico das rinites. O uso de medicamentos tópicos ou sistêmicos são os mais freqüentes. As medicações sistêmicas, que geralmente são ingeridas para tratamento de outras condições patológicas, podem cursar com alterações secundárias na mucosa nasal, o que pode ocorrer, por exemplo, com a utilização de hipotensores, como metildopa, hidralazina, propranolol que levam a um desequilíbrio entre os sistemas simpático e parassimpático, com predominância deste último.

Tratamento.

Nesse caso parece óbvio, que se trata de um efeito adverso do ß bloqueador (propranolol) que além de causar a renite vasomotora, produz a boca sêca. No tratamento devemos trocar o medicamento antihipertensivo. Medicamentos anti-histimínicos de primeira geração (clemastina, dexclorofeniramina, hidroxizina, prometazina, cipro-heptadina) além de não funcionarem neste caso podem causar retenção urinária e problemas de acomodação visual. Caso haja necessidade de se prescrever um anti-histamínico devemos utilizar os de segunda geração (loratadina, cetirizina, ebastina e fexofenadina). O uso de vasoconstritores, especialmente quando dados oralmente, frequentemente promovem efeitos colaterais cardiovasculares (arritmia cardíaca) e no sistema nervoso central.

Brometo de ipratrópio – Os nervos colinérgicos inervam as glândulas submucosas, os vasos arteriais e os sinusóides, ou seja, a estimulação colinérgica provoca aumento da secreção glandular. O brometo de ipratrópio é um anticolinérgico que bloqueia exclusivamente a rinorréia. Na forma de spray nasal é eficaz no controle da rinorréia e seus efeitos colaterais locais são mínimos e tem pouco efeito anticolinérgico sistêmico. Por sua vez, os medicamentos tópicos mais prejudiciais são os vasoconstritores que promovem alívio temporário da obstrução nasal, seguida do efeito rebote caracterizado por hiperemia e edema nasais e irritação direta da mucosa nasal pelos próprios constituintes dos medicamentos. Com exemplo de anti-histamínico de segunda geração para uso tópico temos o azelastina.

Veja – Rinite nos idosos – Alérgica, vasomotora e medicamentosa

Referências:

Hungria, H. – Otorrinolaringologia. 8ª ed. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 2000.

Ganança, F.F.; Ganança, M.M – Como Diagnosticar e Tratar Rinite Alérgica. RBM-ORL. 4(1): 04-10,1997.

Tags: , , , ,




Comentário integrado ao Facebook:


43 Comentários »

  1. karol comenta:

    10 maio, 2009 @ 9:33 PM

    a vários anos que sofro de pigarra, principalmente quando estou em um ambiente quente e vou para a friagem, ex:mudança de temperatura brusca, e tambem não posso tomar agua com temperatura ambiente que tbm me da pigarro, como tenho q ficar fazendo força p/ limpar a garganta, dói a garganta pelo fato de forçar para limpar PS: vou fazer uma cirugia de catarata e preciso solucionar esse problema antes da cirurgia….

  2. aloisio santos pereira comenta:

    11 julho, 2009 @ 3:43 PM

    tenho pigarro so encomoda quando saiu para andar e quando estou dormindo nao encomoda nao so quando deito fica encomodano alguns minuto k remediu posso tomar tenho plobema nu estobagu e irpertançao k a resposta .

  3. cristiane comenta:

    11 outubro, 2009 @ 2:26 PM

    tenho 34 anos e sofro comum pigarro irritante desde muito nova,nunca procurei tratamento,porque sempre me acomodava quando essa irritação diminuia,com o passar dos anos esta aumentdo o incomodo,sinto que incomodo minha colegas de trabalho e minhas clientes,o deve fazer qual especialista devo procurar,quando estou anciosa e nervosa a tendencia é só piorar.OBS:não fumo nem bebo.me oriente por favor,aguardo a resposta.

  4. edna comenta:

    6 dezembro, 2009 @ 7:12 AM

    por favor avise essa pessoa acima chamada de aluisio santos pereira ,que em primeiro lugar o problema dele é falta de leitura ,ele está tomando o (remediu ) errado ,a partir do momento que ele tomar o (remédio correto ele melhora )

  5. jose luiz oliveira da silva comenta:

    8 janeiro, 2010 @ 7:15 PM

    Parei de fumar há 7 meses, com bup e fumasil,peguei uma rinite alergica e trato com predsin e airclin,mas tenho um pigarro e salivação de secreção constante. tenho ansiedade e depressao tomo bromazepam e citalopran.Vou voltar no otorrino para reavaliaro quadro.tenho pressão alta e tomo tensaliv.Tenho muita dor de garganta e uso amidalin.
    O pigarro e sialorréia e mesmo rinite alergica?Respoda-me se puder.obrigado Jose Luiz O, Silva de Brasilia DF
    O pneumo que consultei disse que era faringite.

  6. Paula Michelli comenta:

    12 janeiro, 2010 @ 10:57 PM

    Ola estive com a garganta inflamada por uns 2 meses e agora todos os dias acordo com roquidão e a sensação de uma bola de nem sei o que em minha garganta, tomo muita agua mais nada adianta, como pastilha e tambem não passa. Gostaria de saber o que posso fazer a respeito

  7. marcia comenta:

    26 janeiro, 2010 @ 12:46 PM

    Tenho 45 anos e há mais ou menos dois anos e meio desenvolvi uma arritmia cardíaca. Após muitos exames com o cardiologista, não foi diagnosticada nenhuma patologia cardíaca. Faço acompanhamento periódico e, até o momento, consigo conviver com os sintomas, sem precisar de medicamentos. Desde a infâcia tenho sinusite e riniti alérgica. O que me incomoda é um pigarro que apareceu junto com a arritmia. Sinto descer pela garganta uma leve secreção mas, ao tossir não sai nada. Só pela manhã, ao acordar, consigo expelir um pouco de secreção grossa e incolor. É constrangedor quando estou em uma reunião ou numa sala de cinema ficar tossindo com barulho de secreção. Só gostaria de saber se este pigarro tem mesmo relação com a arritmia e se consigo acabar com ela fazendo a ablação (coisa que não gostaria de fazer)? Solicito opinão. Obrigada.

  8. izabel comenta:

    27 fevereiro, 2010 @ 12:16 PM

    Eu tb passei por isso, so fiquei boa dps de fazer tratamento com vacinais.. hoje estou ótima.

  9. luciana neves de souza comenta:

    1 março, 2010 @ 3:15 PM

    tenho problemas de pigarro,canto na minha igreja mas já faz muito tempo que sofro com isso,fiz tratamento com allegra mas de nada adiantou,sem contar que quando eu engulo desse uma secreção gross é uma coisa horrivel,a quem procurar

  10. isaltina santos comenta:

    15 março, 2010 @ 12:04 PM

    Por favor gostaria de saber sobre um pigarro que meu marido tem ja foi feito varios tratamentos e nenhum teve resultado por favor voces podem me ajudar não sabemos mais o que faser ele esta muinto desanimado……

  11. jaques comenta:

    29 abril, 2010 @ 10:10 AM

    estou com um problema a algum tempo que é um pigarro,meio branco super grudento,ataca muito na hora de eu dormir.até não dava muita bola mais ultimamente tem me irritado muito,e tambem a minha esposa pois esta ao meu lado.
    parei de fuma a 4 meses mais o engraçado que quando fumava nçao tinha este problema,fumei durante 20 anos e tenho 38 anos.
    não sei se tem algo a ver com problema de colesterol alto pois estou tratando,me ajudem por favor de alguma forma com indicação de um especialista ou diversos.

    sem mais no momento desde já agradeço.

    Jaques Andre Rosa

  12. cidinha comenta:

    30 janeiro, 2011 @ 10:31 AM

    vivo com o nariz entupido e sinto uma falta de ar para dormir o medico disse ser rinite alergica so melhoro co predsim mas tenho medo d tomar muinto existe vasina para renite pois tenho ate marca passo devido algum esforco que fiz eu acredito que foi devido a renite pisacordo fazendo um esforco enorme para respirar se puder me ajudar agradeco

  13. Lidiane comenta:

    4 fevereiro, 2011 @ 9:05 AM

    Olá, fumei durante 5 anos, ja tem 12 anos que parei e tenho um pigarro detestavel, falo bastante ao telefone, pois sou analista de sistema e estou notando que estou pigarriando bastante, ja fui ao otorrino, ja tomei a medicação que ele passou mas nao adianta continuo pigarriando, voce tem alguma solução pra mim?

  14. RONALDO MARTONS DE OLIVEIRA comenta:

    24 março, 2011 @ 6:45 PM

    Prezado amigo,
    estou com uma irritação na garganta parecendo pigarro, a sensação que eu tenho é que forma uma gosma então começo forçar a garganta para expelir a gosma esta crise acontece quatro x ao dia. Já fiz exame de endoscopia digestiva e nada acusou portanto
    gostaria de contar com a sua colaboração.

    um abraço.

  15. Tania comenta:

    3 maio, 2011 @ 11:33 AM

    Ola bom dia! A algum tempo estive gripada, e aquele pigarro ficou em minha garganta não consigo coloca-lo para fora, ja fui ao médico e tomei algo que deluia na agua dizendo que iria iliminar todo cataro do orgamnismo mas não obitve essa sorte.
    Estou sofrendo muito com isso o que fazer?

  16. cris comenta:

    20 junho, 2011 @ 8:47 PM

    Eu tenho pigarro há muito tempo. Primeiro meu gastro me tratou como refluxo e não resolveu. Fui encaminhada para um otorrino (tenho rinite alérgica), este disse ser do refluxo.
    Isso tem me encomodado muito, estou sempre com a sensação de estar engolindo um chiclete. Se escarro, saii um catarro branco, que me deixa com mau hálito.
    Ninguém até agora, nesses 5 anos diminuiu este sintoma.
    Aguardo ajuda. Obrigada

  17. Cláu comenta:

    29 junho, 2011 @ 3:08 PM

    Gostaria de saber o que resolveram com o problema da Cris em 20/06/11, tenho a mesma coisa, fui no gastro, no otorrino ninguem resolveu meu problema. O que tenho que fazer?

  18. joey comenta:

    29 junho, 2011 @ 3:17 PM

    Eu sofro bullying porque tenho sinusite…

  19. SINARA comenta:

    9 outubro, 2011 @ 10:55 AM

    Tenho um pigarro constante e já estou muito chateada por isso. Fiz tratamento contra o refluxo, já faz 1 ano e meio que tomo pantoprazol todos os dias e o pigarro continua. Porém, se eu não tomar o pantoprazol é pior ainda… Gostaria de saber 2 coisas: como minimizar o pigarro? Faz mal eu tomar pantoprazol todos ps dias?

  20. DENISE comenta:

    10 outubro, 2011 @ 7:31 PM

    OLÁ MINHA FILHA TEM 6 ANINHOS E TEM TEMPOS Q ELA FICA COM PIGARRO CONSTANTES Q CHEGA A INFLAMAR A GARGANTA N SEI O Q FAZER ALGUEM JA PASSOU POR ISSO MI AJUDEM OBG

  21. Iracelia gadelha comenta:

    26 outubro, 2011 @ 11:15 PM

    Não sei o que dizer, pois também, tenho este maldito pigarro é constrangedor, tira até o prazer de viver.

  22. flau comenta:

    16 novembro, 2011 @ 11:16 AM

    é terrível e tal do pigarro, esse dito cujo , judia de mim a vários anos. sou vendedor e, ja ñ tenho coragem de trabalhar pos e mesmo me atrappalha em todos os sentidos. por ser algo muito triste e constrangedor, emploro a todos que por favor ajudem-me.

  23. joao barbosa torres comenta:

    17 novembro, 2011 @ 6:47 AM

    Tenho um problema de pigarro na laringe q fico engolindo seco o tempo todo gostaria de uma soluçáo para resolver este pesadelo q me pertuba a muito tempo.

  24. Rudinei comenta:

    2 janeiro, 2012 @ 6:15 PM

    MINHA ESPOSA ESTÁ COM ESSE PIGARRO RECLAMADO POR VÁRIAS PESSOAS.ESTAMOS TENTANDO SOLUÇAO A QUASE 1 ANO,JÁ FOI A ALERGISTA 3 OTORRINOS,TRATOU DE REFLUXO,FAZ USO DE MEDICAMENTOS PARA LIMPAR AS VIAS AÉREAS E NADA MELHORA O PIGARRO.TANTA GENTE PEDINDO AJUDA,NAO VÍ NENHUMA RESPOSTA CONCRETA.NOS AJUDEM POR FAVOR.

  25. Givanildo comenta:

    22 janeiro, 2012 @ 9:11 AM

    Bom gente, há uns 4 dias atráz, eu também busquei respostas para este problema pela internet e vim parar aqui, mas vi que todos buscavam uma solução e ninguém tinha respostas. Eu também estava com esse problema de pigarro, só que na parte de traz do canal nasal (no goto), ficava raspando o nariz toda hora e engolindo, mas não acabava, isso me tirava o sono, era horrível. Meu prablema, graças a Deus só durou uma semana, fui ao médico e ele me examinou e constatou que era uma pequena inflamação nas vias aéreas mais ao fundo. Me receitou o remédio Azitromicina di-hidratada, e nas primeiras 8 horas já estava me sentindo muito melhor e dois dias depois tomando o remédio regularmente, já não tenho mais nada. Bem gente, não estou falando para vocês tomarem esse remédio sem o conhecimento do seu médico, pois pode agravar o seu problema, marque uma consulta e leve o nome desse remédio, quem sabe também funcione com você.
    Como vi que muitos buscavam aqui uma solução e ninguém respondia nada, resolvi voltar aqui e tentar ajudar, pois eu também o quanto esse pigarro é horrível. Sei que muitos que buscaram aqui uma resposta, já nem vai ver mais o que eu postei, pois vi casos do ano de 2009, mas caso alguém veja o que postei, deixe aqui um comentário.
    Lembre-se, não tome remédio sem antes consultar um médico.
    Estero ter ajudado alguém.

  26. Marcelo Bastos comenta:

    14 fevereiro, 2012 @ 8:37 AM

    Tenho 44 anos e estou com pigarro a cerca de 4 meses, tive sinusite em 2011, aqui onde moro é constante as mudanças de temperatura principalmente pela manhã recentemente a uma semana atrás pensei que estaria de sinusite mas aparentemente não foi estava com tosse porém tomei um anti alergico de nome loratadina e fiquei bom mas o pigarro continua minha filha teve refluxo e uns tempos atras quando eu ia deitar e estava com peso acima os alimento ficavam querendo voltar da gargante hoje estou com peso normal e isso parou, o meu problema hoje é o pigarro que incomoda e toda hora tem fazer o hum hum , me ajude , me dé uma luz do que pode ser, grato.

  27. Alessandra comenta:

    18 fevereiro, 2012 @ 2:48 PM

    Ola, tenho 24 anos, parei de fumar há uns 3 anos, mas durante os fins de semana costumo ter algumas recaídas, porém chego a ficar até um mês sem fumar. A mais ou menos 2 anos sofro com uma irritação na garganta, o famoso pigarro, até então fui levando essa situação normalmente pois o incomodo não era tanto, mas com o passar do tempo foi piorando, como tenho que fazer força para engolir a saliva e limpar a garganta constantemente sinto dores e tosse. Pesquisei algumas coisas e descobri que isso pode ser um sintoma de câncer na garganta ou no esôfago. Tenho medo de procurar um médico e minhas suspeitas de comprovarem mas sei que é de extrema importância. Gostaria de saber se esses sintomas podem realmente ser de câncer e se tenho motivos sérios para me preocupar. Por favor me respondam!!

  28. Fátima comenta:

    30 abril, 2012 @ 9:21 PM

    Oi Givanildo, muita bacana a sua atitude de voltar neste endereço para deixar seu depoimento, nunca tinha feito pesquisa sobre este assunto, é a primeira vez por preocupar-e com o meu marido, q há anos tem pigarro. Valeu, vou copiar sua informação e imprimir para que ele veja q procurando um médico pode encontrar a solução, assim como vc encontrou. Valeu, muito obrigada!
    Fpatima

  29. JONAS ALAN comenta:

    15 maio, 2012 @ 10:34 AM

    BOM DIA , JÁ FUI EM VÁRIOS MÉDICOS E ATE AGORA NADA , TENHO UM PIGARRO CONTANTE , QUANDO BEBO ACORDO QUASE SUFOCADO PELO ( catarro ) POR SINAL MUITO DENSO . ME AJUDEM EM UM PONTO DE PARTIDA PARA SOLUCIONAR ESTE PROBLEMA .
    OBR

  30. EDUARDO comenta:

    22 maio, 2012 @ 6:16 PM

    a alguns anos sofro com um pigarro que so ataca quando estou conversando com alguem o que posso fazer para conter ou acabar com ele

  31. iraci muniz comenta:

    13 junho, 2012 @ 9:03 PM

    oi,tenho um pigarro desde muito nova,com o passar do tempo venhe piorando a ponto de não conseguir dormir.ataca mais durante a noite e pela manhã,qual especialidade devo proucurar me ajude estou desesperada.não fumo.

  32. Dr. Armando Miguel Jr comenta:

    14 junho, 2012 @ 7:16 AM

    Iraci,
    Consulte com um médico Clínico Geral

  33. Hercules comenta:

    16 junho, 2012 @ 9:57 AM

    Tenho pigarro ha muitos anos e tambem um problema parecido só que no nariz, como sou aprendiz de músico isso me atrapalha ao extremo cantar, nao conssingo alcançar agudos, por favor me ajudem, eu vou viver de música.

  34. josiane comenta:

    9 julho, 2012 @ 11:16 AM

    Bom dia Doutor!
    Estou com pigarro na garganta há mais de 5 meses, e sempre que falo com alguém ou ao telefone fico com a sensação de catarro na garganta e minha voz some e por isso, preciso pigarrear para soltar o catarro e conseguir falar.
    Trabalho em um call center e necessito muito da voz e por essa necessidade, venho humildemente pedir que me diga o que fazer…
    Caso ajude, já tive tuberculose na infância e fui tratada. Às vezes chego a pensar que é algo relacionado, pois é tosse com catarro..
    Me responda por favor! Obrigada.

  35. Sinara comenta:

    10 julho, 2012 @ 8:29 PM

    Tenho 44 e um pigarro constante vem me incomodando. Porém, tomo pantoprazol 40 mg todos os dias e o pigarro continua. Gostaria de saber se existe algum remédio que acaba com esse pigarro insistente. Detalhe:Não fumo e nem bebo.

  36. Dr. Armando Miguel Jr comenta:

    10 julho, 2012 @ 9:27 PM

    Josiane,
    Consulte um médico otorrino para avaliar o pigarro e as cordas vocais. Pode ser refluxo gastroesofágico. O exame direto da garganta pode definir o diagnóstico e o tratamento a seguir.

  37. Amanda comenta:

    23 agosto, 2012 @ 9:04 AM

    Já faz muito tempo que tenho pigarro, fui em alguns medicos e eles me disseram que é problema de estomago, refluxo, estou fazendo o tratamento a uns meses, e nao melhora, nao aguento mais, esta ficando cada vez mais dificil conviver com isso. As pessoas pensam que eu sou louca, acham que eu faço isso por mania.
    De manhã, parece que eu fico entalada, de tão atacada que eu fico, eu estou ficando estressada ja…ninguem resolve essa merda!

  38. Rodrigo comenta:

    28 setembro, 2012 @ 8:10 PM

    Estou há mais de 1 ano sofrendo com esse maldito pigarro ! Minha mulher não aguenta mais ! Tenho sinusite e rinite alérgica, então vira-e-mexe estou acusando os corriqueiros sintomas, como congestão nasal e cefaléia. Fui ao meu Otorrino e ele me prescreveu um gargarejo matinal com agua morna e bicarbonato de sódio. Não resolveu. Me consultei com um gastroenterologista que me receitou motillium e omeprazol. Cheguei até a aumentar a dose deste último por conta própria, mas de nada adiantou. Realizei uma endoscopia digestiva alta que nada apontou. Minha última tentativa foi com uma alergologista. Sua medicação solucionou minha crise de sinusite, MAS A PORCARIA DO PIGARRO CONTINUA !!! Chega a ser inconveniente ! Estou falando com as pessoas e preciso interromper meu discurso sistematicamente para pigarrear, e o pior é que isso não traz nenhum alívio, pq sensação é de que há uma secreção constante na garganta. Alguém tem mais alguma dica ?? Estou quase partindo para a AZITROMICINA DI-HIDRATADA recomendada pelo amigo acima, apesar de saber que antibióticos são sempre perigosos, mas eu já não aguento mais !

  39. Andréia comenta:

    13 outubro, 2012 @ 7:05 AM

    Estou chocada com tantos depoimentos que se assemelham ao meu problema. Há 4 meses minha vida mudou radicalmente, desde que comecei a ter pigarro e sensação de catarro na garganta…fico o tempo inteiro “pigarreando” no intuito de desobestruir a garganta, o que me deixa muito cansada, além de abalar profundamente o emocional. Sinto-me consrangida com isso. Já fui a vários médicos: pneumologista, alergista, neurologista e gastro… tomei predsin, alektos, loradatina, e atualmente estou tomendo pantoprazol di-hidratado… e nada!!! Tive uma melhora em relação a falta de ar, mas o pigarro continua…a tosse é forte..´Por favor, peço que nos ajude! Obrigada. Tenho 35 anos e único fato ocorrido de diferente é que 5 dias antes de começar o pigarro fiz uma cirurgia de miomectomia e tomeu uma medicação (zoladex).

  40. Rodrigo comenta:

    31 outubro, 2012 @ 7:50 AM

    Alô ?! Alguém poderia responder ? Já faz mais de 1 mês que postei minha reclamação e ninguém se manifestou até o momento.

    Tem algum médico participante do forum ??

    Desde já agradeço pela atenção.

  41. Rosimar Xavier da Silva comenta:

    12 novembro, 2012 @ 8:50 AM

    tenho um pigarro na garganta que está se tornando um problema horrível, preciso limpar a garganta toda hora, mais a noite a vezes me acordo sufocado com uma baba impedindo minha respiração. o caso piora a noite quando vou me deitar. tenho mal cheiro na garganta, sofro de rinite alérgica e sinusite. Peço orientação para tratar esse problema. me ajude!

  42. maria cleusa charra comenta:

    3 fevereiro, 2013 @ 10:24 PM

    givanildo muito obrigado pela orientaçao,,,a 3 anos venho sofrendo com esse maldito pigarro que eu tenho certeza que vem do goto ,,,e o medico fica tratando dizendo que e refluxo,,,ja tomei tudo quanto e tipo de remedio pra refluxo e so to piorando,,,vou levar esse nome de remedio que vc usou e vou conversar com meu medico,,,muito obrigado por nos orientar…. fica na paz abraçosssss

  43. Valcy Francisco Gaby comenta:

    4 fevereiro, 2013 @ 7:44 PM

    Comigo tudo começou pela secreção intensiva pós garganta, troquei os medicamentos melhorei muito a secreção, mas, se instalou o pigarro horrível.
    Minha alergia com grau maior, é o tal de: Ácaro, dentro de casa fico bem é só sair ao tempo, começa tudo, à noite durmo bem sem problema.
    mas acho que o meu caso pode ser o tal de: Laringofaringeo,
    Abraços

Deixe seu comentário aqui !