23 - nov
  

Necrose avascular do fêmur

Categoria(s): Caso clínico, Reumatologia geriátrica




Interpretação clínica

  • Mulher branca de 45 anos, em tratamento de lúpus eritematoso sistêmico (LES) há 5 anos, apresenta-se com queixa de dorna articulação coxo-femural esquerda que se irradia para a face anterior da coxa. Diz que essa dor ocorre tanto durante o dia quanto à noite. Descreve a dor como profunda, e diz que piora ao caminhar. Nos úlimos 3 anos apresentou Nefrite Lúpica *, necessitando de tratamento com prednisona.
  • Ao exame físico, não há déficits motores ou sensitivos na perna. Caminha mancando discretamente, e a rotação interna do quadril esquerdo em flexão é dolorosa.

Como atuar nesse caso?

Diagnóstico

Dentro da sintomatologia do LES é comum a presença de poliartralgia e de poliartrite em distribuição semelhante à da artrite reumatóide. Entretanto, somente em apenas 10% dos casos ocorre a artrite erosiva e deformante. Dentre as manifestações articulares do LES encontra-se o reumatismo de Jaccoud, que é caracterizado por um quadro de deformidade reversível das articulações interfalangiana proximal e metacarpofalangiana. No presente caso a articulação afetada é a coxo-femural esquerda, o que foge dos padrões habituais do LES.

O quadro clínico de dor e limitação ao movimento passívo da articulação do quadril, sugere que esta articulação é o foco da dor. Os pacientes que fazem uso por longo período de corticóide podem apresentar necrose avascular da cabeça do fêmur. O exame de ressonância magnética permite a detecção precoce dessa lesão. Na radiografia simples a articulação só se apresenta alterada quando houver infarto e colapso do osso, e as cintilografias ósseas mostram captação aumentada nos locais de infarto. A tomografia computadorizada melhora ainda mais a sensibilidade diagnóstica, mas como referimos acima o padrão ouro em estudo de imagem usados para detectar alterações isquêmicas precoces é ressonância magnética.

Dentre as outras causas de necrose avascular da cabeça do fêmur, destaca-se a anemia falciforme, pouco provável nesta paciente, que é branca. A figura ilustra duas radiografias: em A) cabeça do femur totalmente destruída pela necrose avascular, em  B) articulação coxo-femural normal, com cabeça do fêmur com início da lesão, entre as marcas.

Observe na figura abaixo  o tipo de circulação terminal que irriga a cabeça do fêmur, expondo-a a necrose.

* Nefrite Lúpica – A nefrite lúpica ocorre em 50% dos pacientes com LES e é mais comum em negros. Um exame de urina alterado, apresentando proteinúria, hematúria ou cilindros hemáticos leva a forte suspeita de diagnóstico de glomerulonefrite lúpica. Através da biópsia renal, o estudo histopatológico demonstra qual classe de lesão o rim do paciente está: Classe I – normal; classe II – mesangial; classe III -proliferativa focal; classe IV – proliferativa difusa; classe V- glomerulonefrite membranosa.

Referências:

Bluemke DA, Zerhouni EA – MRI of avascular necrosis of bone. Top Magn Reson Imaging. 1996;8:231-246.

Fordyce MJ, Solomon L – Early detection of avascular necrosis of the femural head by MRI. J Bone Joint Surg Br. 1993;75:365-367.

Tags: , , , ,




Comentário integrado ao Facebook:


111 Comentários »

  1. Taís Antonióli comenta:

    28 fevereiro, 2009 @ 10:14 AM

    Primeiro gostaria de agradecer pelo esclarecimento acerca da osteonecrose da cabeça femunal. Meu pai está passando por esse problema. O médico disse que indica no caso dele um procedimento de descompressão. Vocês são a favor desse procedimento? e Quais os resultados conhecidos? São satisfatórios?
    Gostaria também saber qual a associação dessa infermidade com a febre, pq meu pai, principalmente à noite sente muito frio e ao mesmo tempo sua muito.
    Serei grata se puderem me responder.
    Desde já agradeço,
    Taís Antonióli.

  2. Darly comenta:

    17 maio, 2009 @ 2:00 PM

    Olá,Boa tarde.
    Eu sofri um acidente e fraturei o femur hoje tenho uma haste e um parafuso.
    Queria uma informações e vcs estaram me ajudando bastante,pois ando mancando muito tenho 27 anos queria tanto voltar a andar normal.Só teve um encurtamento de 1,3 na perna mais a minha marcha precisa melhorar bastante ando muito feia.
    Vou agradecer bastante o retorno.
    Abraços DARLY>

  3. Adriana comenta:

    18 junho, 2009 @ 7:25 PM

    Eu fiz 2 cirrugia de necrose da cabeça femural biladeral e até hoje meu medico não soube me dizer se sou pnt não sei se posso procurar emprego como deficiemte mas cinto muitas dores no joelho esquerdo

  4. Claudia comenta:

    23 julho, 2009 @ 12:17 PM

    Oi, tenho 35 anos e depois de quase 10 anos sendo enrolada pelos médicos, descobri que tenho osteonecrose da cabeça femural,estou bastante preocupada e com medo pois o meu médico me receitou uma medicação de seis meses com alendronato de sódio.Já estou tomando esta medicação há 3 meses e parece que está piorando. Neste caso eu não teria que realizar uma cirurgia? Tenho medo de piorar cada vez mais o meu caso .Vcs também utilizam este tratamento?Agradeço o retorno.

  5. Tais comenta:

    24 julho, 2009 @ 1:18 PM

    Oi Claúdia,

    Entendo a sua preocupação, meu pai também está passando por este problema há menos de um ano.
    No início foi muito difícil diagnosticar a osteonecrose da cabeça femural, ele sentia muitas dores na virilha que iam se alastrando para parte interna das coxas, só com uma ressonância magnética foi possível descobrir qual era o origem dessas dores.
    O ortopedista ao analisar o exame disse que não haveria remédio para essa doença, que a única coisa que poderia ser feito era colocar uma prótese na cabeça do fémur.E foi isso que aconteceu, meu pai colocou uma prótese na cabeça do fémur direito há 5 meses e, por último, há um mês colocou a prótese na outra perna. Até o momento ele está reagindo bem, esperamos que depois do pós cirurgico ele possa levar uma vida normal como era antes dessa doença.
    Tenha muita força e boa sorte.

  6. horacio limma da luz comenta:

    23 agosto, 2009 @ 3:14 PM

    eu gostaria de saber porque eu tenho esta doenssa na cabessa do femo e faz mas de 14 anos e los medicos disse que eu tenia que operarme com los 25 anos agora tenho 26 e outro medico diz que seria bom qu me operassa quando so mas velho e eu nao entendo
    horacio

  7. Edilson comenta:

    23 agosto, 2009 @ 9:22 PM

    Olá eu tenho necrose na cabeça do femur direito, que foi detecada em fev de 2001, três meses após um infiltração feita no local , devido a dores que eu tinha, o médico não sabia que eu tenho traços falciformes, não fez nenhum para fazer a infiltração e nem tinha identificado a origem das dores e na verdade eu tinha uma lesão de labrum que foi corrigida por outro ortopedista, porém em virtude da infiltação feita tive necrose…
    Bom, não coloquei prótese áté hoje, porque meu medico disse para adiar o máximo possível ou fazer isso somente se eu perdesse qualidade de vida, sinto dores quando faço ando em subidas, escadas, ou tento carregar muito peso, no entanto são suportáveis, não consigo correr, mas até que consigo andar bem hj em dia, mas não sei até quando, vou aguardar para colocar prótese enquanto for possível.
    Edilson

  8. edna aparecida querino comenta:

    8 setembro, 2009 @ 8:10 PM

    Eu sofri muito com essa doença Osteonecrose de Femur,ja faz 1ano e 4meses que eu fiz uma cirurgia de quadril eu naõ sinto mai dor na perna esquerda,agora esta pegando a perna direita e uma dor insurportavel eu jà passei no medico ele falou que para eu aguardar porque naõ esta tendo paterial nos laboratorio,agora eu jà sou aponsentada agora ficou mais facil para eu me tratar, porque antes eu so queria trabalhar.

  9. Ednilson - Jaboticabal-SP comenta:

    9 setembro, 2009 @ 1:45 PM

    Olá Claudia.
    Meu nome é Ednilson e tenho 36 anose a 60 dias fiz a cirurgia de protese por causa da necrose, estou com problema dos dois lados, fiz do lado esquerdo e graças a Deus esta tudo bem, as dores sumiram e por enquanto não estou tomando nenhum medicamento, apenas fazendo natação para fortalecimento da perna operada, mas em contra partida a perna direita que esta com o mesmo problema esta doendo cada dia mais e com certeza terei que fazer a colocação de protese nessa tbm, mas se tiver que fazer não perca tempo vc consegue sua vida de volta pois eu não estava tendo animo para mais nada, nem banho sozinho estava conseguindo tomar.
    a cirurgia não é tão feia qto falam, fiquei 3 dias no hospital e 40 dias sem andar, hoje com 60 dias estou até dirigindo e ja pensando em voltar a trabalhar…..boa sorte pra vc…

  10. MANUEL SOARES comenta:

    9 outubro, 2009 @ 11:10 AM

    olá eu tenho uma necrose avascular da cabeça do femur com 3 cm .
    o médico que me vai operar disse que ainda dá para eu, ficar com o meu osso.
    sera que é verdade ?boa sorte para todos.

  11. Nedina Jesus de Assis Teixeira comenta:

    21 outubro, 2009 @ 9:21 AM

    Olá! eu sofro com dores terriveis nas pernas que vai da virília até os joelhos,dos dois lados E eDisso já faz agora em dezembro 1ano e só agora após 5meses q descobriram q é necrose na cabeça do fêmur.Isso de certa forma parou minha vida pois não faço as mesmas coisas de antes,estou mais dependente das pessoas,pois meus movimentos já não são mais os mesmos dificultando minhas atividades diárias.Meu ortopedista disse que tenho que colocar prótese dos 2 lados,deve valer a pena porque a dor q sinto nem eu descrevendo vcs serão capazes de imaginar,não é fácil quando se é casada e tem filha dependente de vc ainda,mas eles me ajudam como podem,eu mesma mancando faço os serviços da casa,mas vou contar p/ vcs minha vontade era ficar deitada sempre,porque assim a noite eu não sofreria tanto mas isso é impossível,ainda bem q já sou aposentada .

  12. eraldo alves -santos sp comenta:

    25 outubro, 2009 @ 10:58 PM

    ola a todos, desde os meus 7 anos sofro de dores na cabeça do femur.sempre fazendo tratamento mas nunca resolveu.quando estava com 30 anos comecei a sentir fisgadas na
    virilha muito forte então procurei um medico e constatou o que eu ja sabia , que era uma deformidade na cabeça do femur fiz uma cirurgia chamada osteotomia mas parece que
    piorou a dor pois me limitou bastante epra piorar quando voltei ao trabalho fui mandado
    embora, agora nem convenio eu tenho. gostaria se possivel que me indicasem algum
    remedio para aliviar meu sofrimento pois sinto muitas dores ainda . desde ja agradeço a
    todos fiquem com deus e muita paz.

  13. maria lourenço comenta:

    24 novembro, 2009 @ 7:57 AM

    oi a todos meu esposo colocou proteses no femur gostaria de saber se pode voltar sua profissao de motorista normal como era antes
    desde ja agradeço obrigada

  14. plinio andre comenta:

    28 novembro, 2009 @ 10:46 AM

    Gostaria de saber se existe algum tratamento alternativo para necrose cabeça femur., ja pesquisei ma não encontrei nada, ou que pelo menos para diminui a dor.
    ja tive conselhos para fazer a cirurgia de descompressão , alguem ja realizou esta operação para dar informaçãoes
    obrigado

  15. Alisson Alves comenta:

    21 dezembro, 2009 @ 12:20 PM

    Olá pessoal!! Fiz a cirurgia de descompressão bilateral do fêmur no início de novembro desse ano. Tenho 32 anos e as dores começaram uns 7 meses antes, porém só conseguir ter o veredito do problema 1 mês antes da cirurgia. O doutor disse que existe 02 tipos de tratamento. O 1º seria a colocação de uma prótese, porém devido a minha idade não seria recomendável já que as prótese tem durabilidade de 15 a 20 anos, ou seja, eu teria que fazer pelo menos mais 02 cirurgias para troca da prótese. A 2º seria a descompressão, logo, foi a que fiz. Fiquei 35 dias usando muletas, podendo fazer apenas carga parcial, hj estou com 48 dias de operado e posso dizer a vocês que as dores reduziram entre 60 e 70%. No início do próximo ano começo a 2ª etapa da recuperação que serão inicialmente 10 sessões de hidroterapia. Segundo o médico essas dores ainda são normais, pois ainda estou em recuperação. Quem quiser tirar mais algumas dúvidas é só entrar em contato pelo email alissonalvedf@yahoo.com.br que farei o possível para poder ajudar.

  16. Marcelo comenta:

    12 janeiro, 2010 @ 7:39 AM

    Bom dia a todos !
    Meu caso é um pouco diferente dos demais acima. Tive um rompimento de musculo adutor da coxa direita e na ressonãncia magnética foi identificado a osteonecrose na cabeça do femur. Estou indo a um especialista em quadril amanhã mas confesso que estou preocupado. Até 2 meses atráz corria e jogava futebol normalmente quando então sofria alesão do adutor. Acho estranho, pois todos acima sofreram com dores na perna e eu não tenho esse problema. Aliás não sinto dor alguma.
    Alguém, por acaso teve os mesmos sintomas ?
    Abços a todos !

  17. elias martins comenta:

    18 janeiro, 2010 @ 1:14 PM

    Tenho 40 anos, há cerca de 05 meses venho sentindo dores nos quadris. Somente de 2009 tive o diagnóstico de que teria que colocar prótese em ambas as pernas, sendo que teria a cabeça do femur cortada e substituida por uma prótese. Procurei outro médico e me orientou a colocar prótese na perna esquerda e fazer uma descompressão na perna direita e que a porcentagem de dar certo a descompressão seria de 70%. Vou fazer, vou colocar prótese na perna esquerda e fazer a descompressão na perna direita. Com relação a febre, somente em um dia à noite senti muito frio e foi necessário tomar um medicamento para febre. Estou confiante.

  18. NATHALIA CANAZZA comenta:

    19 janeiro, 2010 @ 12:52 PM

    Boa tarde!!!
    Meu esposo tem 30 anos e tem Necrose avascular da cabeça do Fêmur(bilateral) uma perna já foi operada e falta a outra, estou muito preocupada pois ele se queixa de muita dor, e toma remédio todos os dias antes de dormir e para trabalhar ( sem o remédio ele não consegue andar ) ele diz que cada dia que passa esta piorando ( esta na fila do S.U.S ) já fez um ano que ele foi operado e até agora não foi chamado para fazer a outra cirurgia. Por gentileza o que faço para amenizar a dor dele.
    Aguardo resposta
    Atenciosamente
    Nathalia

  19. Taís comenta:

    19 janeiro, 2010 @ 1:30 PM

    Olá pessoal,

    Como foi dito em comentário anterior meu pai se submeteu a uma cirurguia para colocar prótese bilateral na cabaça do fêmur. Passados 5 meses da cirurgia ele não sente mais dor, exceto quando passa muito tempo em pé sente dores nos quadris. Agora, ele mesmo diz, que depois da cirurgia ficou com certas limitações, como por exemplo não conseguir agachar e andar de maneira rápida.
    O meu interesse em vir neste fórum novamente foi dividir com vocês uma notícia dada na rede globo sobre um “procedimento” capaz, segundo os adeptos, de reconstruir a cabeça do osso. Essa técnica consiste na retirada de sangue do paciente e a injeção deste mesmo sangue no local afetado pela deformidade. Muitos atletas vem se submetendo a esse procedimento e eles relatam que a regeneração acontece mesmo, diminuindo ou acabando com as fortes dores.
    Infelizmente, como meu pai já se submeteu a cirurgia de prótese esse procedimento não poderá alcançá-lo, mas para quem ainda não se submeteu a nenhum procedimento cirurgico, acho que vale a pena levar esse questionamento a seus médicos.
    Vale salientar que o procedimento ora descrito não possui, ainda, comprovação científica, mas volto a dizer, está sendo muito satisfatório para quem está se submetendo.

    Boa sorte.

    Att. Taís Antonióli.

  20. ALLAN comenta:

    20 janeiro, 2010 @ 6:22 AM

    ola tenho duas proteses bilateral na cabeça do femur esq. e dir. estou ainda em recuperação
    minha duvida e trabalho andando o dia inteiro isto pode adiantar a revisao da proteses obs.
    tenho 36anos e coloquei proteses nacional, isto me faz ser um deficiente fisico.
    desde ja grato

  21. Célia Araújo comenta:

    24 janeiro, 2010 @ 8:14 PM

    Olá. Li os comentários de todos e fiquei mais otimista em relação ao problema que minha mãe apresentou faz dois meses. Depois de vários exames o diagnóstico foi a osteonecrose na cabeça do fêmur esquerdo. Ela está com 88 anos e o médico não indicou a cirurgia, entretanto o depoimento da Taís me deu uma esperança. Já havia lido esse tipo de tratamento com resultados positivos.
    Ela reclama das dores e não é nada agradável ver quem se ama sentir dor e não poder fazer nada, então, Taís deixo o meu obrigada pela lembrança de que há essa possibilidade e vou correr atrás para que dê certo para ela.
    Desejo a todos sorte e esperança e fé.

  22. eronaldo comenta:

    2 fevereiro, 2010 @ 12:27 PM

    boa tarde tenho 37 anos,tem 60 dias fiz uma artroplastia total de quaril coloquei uma protese femur e quadril,a perna da protese ficou 2 cm maior.gostaria saber de voces se eu vou voltar andar sem mancar.Agradeco desde ja se alguem possa me ajudar.

  23. Cleonice de Castro Pereira comenta:

    9 fevereiro, 2010 @ 4:10 PM

    Em Dezembro 2007 comecei a mancar da perna direita,em janeiro 2008 mudei de medico, em fevereiro 2008 descobrir que tenho OSTEONECROSE MORTE DA CARTILAGEM DO FEMUR so que para essa doença nao tem remedio somente a cirurgia, em março 2008 foi marcado a minha PRIMEIRA CIRURGIA DO QUADRIL DIREITO DESCOMPREENSAO foi feito um furo transvesao no femur com apenas 3 ponto so que dois meses usando muletas descobrir que continuava a mancar .
    Ai continuava com muitas dores no quadril meu medico pediu segunda RESSONANCIA MAGNETICA ai descobrir que tenho OSTEONECROSE NO QUADRIL esquerdo.
    Devido as dores costante no quadril minha perna que travava foi marcado a segunda CIRURGIA COM PROTESES ja faz um ano que operei e continuo mancando da perna direita e usando bengalas.
    Por favor me ajudem to de saco cheio de tanto mancar no meu caso nao tem a casa da osteonecrose.

  24. eron comenta:

    10 fevereiro, 2010 @ 7:56 AM

    bom dia fiz uma cirurgia de artroplastia total de quadril na perna direita colquei uma protese,faz dois meses e a perna ficou 2cm maior que a esquerda estou em faze de recuperacao,gostaria de saber de alguem que ja fez qundo eu colcar a palmilha para igualar a outra perna se eu vou conseguir andar sem mancar.Pois tenho a esperanca de voltar a trabalhar pois sou policial militar e gosto do que eu faco.Muito obrigado a todos que puderem me ajudar.

  25. alcides comenta:

    11 fevereiro, 2010 @ 8:26 PM

    Meu comentario
    Fiz cirurgia totalde quadril nas duas pernas colocando prostese total
    Já faz mais de 02 anos, sinto perfeitamente bem, pois o médico que
    fez a cirurgia foi um professor do hospital da Sepaco Dr.Arlindo.
    Faço natação moderamente em uma academia e fortaleço muito bem
    minhas pernas
    Estou a disposição para qualquer comentário

  26. maria alice comenta:

    26 fevereiro, 2010 @ 5:03 AM

    Sofri um acidente e tive fratura exposta do femur. Fui operada e colocaram uma haste coxofemural em mim.Gostaria de saber se tenho que tirar esta haste? Depois de quanto tempo tenho que tirar esta haste? Agradeço a vcs.

  27. itamar cruz da roa comenta:

    26 fevereiro, 2010 @ 6:45 PM

    Pessoal, sou professor de Educação Física, fiz prótese total de quadril e continuo trabalhando. Sinto muitas limitações porque não posso fazer certos movimentos como: agachar-se, para pegar uma bola por exemplo. Não posso chutar a bola para demonstrar o exercício aos alunos. Que fazer? Aceito opiniões.

    Obrigado
    Itamar

  28. francisco comenta:

    28 fevereiro, 2010 @ 7:59 PM

    boa noite estou com sirurgia marcada para a colocaçao da protese da cabeça femural eu nao sei mas oque eu faço pois nao consigo mas dormir fico agitado todos os dias e estou tendo muita tontura quando fico assim .por favor oque eu faço .obrigado e boa sorte a todos

  29. silas tavares comenta:

    22 março, 2010 @ 3:33 PM

    infelismente, tenho o problema nas duas pernas, fiz descompressao ,mas nao resolveu nada, tenho q colocar as proteses.alguem q ja fez me diga quanto tempo leva a recuperacao, e as limitacoes sao muito grandes, me responda por favor.

  30. Marcelo comenta:

    23 março, 2010 @ 7:06 AM

    Bom dia a todos ! Identifiquei a osteonecrose em uma ressonãncia para uma lesão de adutor da coxa e para minha surpresa ganhei esse problemão.
    Segundo novos exames e opniões médicas, não tenho lesão nenhuma no femur e também não sinto dor alguma. Caso raro segundo eles. Devo fazer somente natação durante um bom tempo e acompanhar via ressonãncias peiódicas o desenvolvimento e possível rejeneração da necrose. De qualquer forma estou proibido de fazer esportes com impáctos. Até para andar devo ter cuidado. Não li, infelizmente, nehum depoimento parecido com o meu e acho que tenho um problema menor que o resto desta lista, mas acho que é sério pra todo mundo. Abraços a todos.

  31. jamile comenta:

    1 abril, 2010 @ 8:53 AM

    olá!estou passando por esse problema a 4 anos,e as dores me limitam de fazer coisas q eu gosto,principalmente trabalhar.estou fazendo tratamento numa clinica em Salvador.minha necrose é no femur direito,mas vou fazer um transplante da celula tronco no femur esquerdo,isso vai fazer com que retarde a necrose do femur esquerdo.para aliviar as dores,faço fisioterapia mas não alivia totalmente as dores,o q alivia mais são os antibioticos q se for tomado por muito tempo causa outros problemas.viver com essa doença é uma coisa insuportavel.

  32. José roberto comenta:

    13 abril, 2010 @ 8:25 AM

    olá pessoal estou com necrose na cabeça do femur dir e esq ja fais 5 meses ja fiz uma cirugia de descompressão no lado direito melhorou um pouco mais não resolveu, depois de muitos medicos fui ate um especialista e ele me disse que o meu caso é 30% de proteses e 70% de cura mais esta cura demora de 2 a 3 anos para outros ossos se formarem,alguem ja fez algum tratamento igual.

  33. roseneide comenta:

    22 abril, 2010 @ 4:19 PM

    oi eu tenho protese total no quadril com haste e 6 parafuso no femur e já fazem 16anos e faz 22dias que eu tropecei com o pé esquerdo pra não cair eu larguei todo o peso na perna que tem a protese e depois disso eu já fiz 2 consultas medicas e continuo com muita dor fui no ortopedista que fez a cirurgia ele me deu ums antiinflamatorio mas a dor não passa, eu gostari muito que vcs pudessem me ajudar a solucionar o meu problema me respondam por favor.

  34. Wanderson José comenta:

    22 abril, 2010 @ 8:58 PM

    Olá. Sou doente falciforme com traço sc, e segundo hematologistas quem tem este problema já tem uma pré-disposição a ter necrose avascular na cabeça do femur. No mes de julho de 2009 comecei a sentir um certo incomodo na perna direita, então procurei o ortopedista e depois de analisar o RX ele disse estar tudo normal. Quando foi no mes de outubro voltei a procurá-lo, agora sentindo dores, então foi pedido um novo RX e mesmo alertando-o que era doente falciforme ele novamente disse que era só uma inflamação me receitando anteinflamatorios, por um tempo resolveu o problema das dores. Quando foi em março de 2010 comecei a sentir dores mais fortes, então procurei varios outros ortopedistas. Só assim foi constatado necrose avascular acentuada na cabeça femural direita que segundo excelentes proficionais a unica solução é a protese, e na perna direita em fase inicial que segundo estes mesmos ortopedistas terei de faser uma sirurgia de discompressão. Porém ao ler o comentário da Tais fique muito satisfeito, pois ainda não me submeti a nenhuma cirurgia. Peço por favor que se alguém conhece algum profissional que faça o procedimento citado pela TAIS, favor me informar atraves deste forum. E aconselho a todos doentes falciformes que fiquem atento quanto a isto.

  35. carolina dias comenta:

    23 junho, 2010 @ 11:38 AM

    ola pessoal tenho necrose avascular de femur bilateral, em 2007 fui submetida a cirurgia de descompressao, os resultados não foram os esperados as dores ainda são fortes, estou com indicação para colocar as proteses, atualmente faço hidrofisioterapia e fisioterapia onde consigo aliviar as dores junto com as medicações, gostaria que alguem que ja tem protese diga se as dores acabam ou diminui, considerando que ja nao consigo andar sem mancar, usando em alguns momento as moletas. continuo trabalhando e tenho 55 anos, gostaria de trocar ideias com pessoas que tenha minha doença.

  36. onieide o.s de souza comenta:

    23 junho, 2010 @ 2:13 PM

    gostei de estar aqui.Pois so assim irei fazer as minhas pesqueisas e tirar as minhas duvidas na minha area de saude. Dessa maneira eu me sentirei mais segura ma hora de lidar com eles e ficar mais desidida na minhas atividades. Muito grato pelo carinho nada mais neide.

  37. francisco comenta:

    24 junho, 2010 @ 6:25 PM

    boa noite carolina dias passei pelo mesmo poblema que vç .fiz a cirurgia a 2 meses e ja nao sinto mais dores e estou me recuperando bem tenha fe que vai tudo dar certo boa sorte .{kiko.1005@hotmail.com}

  38. giorgi engels comenta:

    1 julho, 2010 @ 12:00 AM

    boa noite. sou portador de necrose asséptica do femur bilateral , 42 anos. desejo operar o mais rápido possível um deles, pois,
    sinto dores na musculatura da virilha ,joelho e não consigo andar muito. estou perdendo qualidade de vida.
    a respeito de pessoas que não possuam condições financeiras, procurem o HOSPITAL SARA kUBISTCHEC procurem na net.
    boa sorte a todos e que DEUS nos acompanhe.

  39. renato comenta:

    13 setembro, 2010 @ 9:08 PM

    meu nome é renato , tenho 31 anos e estou a 3 anos com osteonecrose na cabeça do femur na bacia, operei recentemente , fiz a cirurgia de descompressão nos dois lados , aconselho que o ortopedista acompanhe com radiografia mensal e que não deixem deformar , pois se se deformar ai so com protese mesmo , no caso mais indicado é a cirurgia de descompressão que é simples e alivia bem a dor , a tendencia da necrose é estacionar ou evoluir para artrose tendo que ser colocado protese e sendo trocado a cada 15 anos conforme cada paciente …

    tive osteonecrose sem causa nos dois joelhos e duas bacias , felizmente os joelhos sararam e as bacias necrosaram com deformidade em um lado esquerdo por desculdo de um medico ortopedista do joelho, se tem osteonecrose no quadril procure um ortopedista de quadril que é mais aconselhavel

  40. jauri comenta:

    15 setembro, 2010 @ 9:44 PM

    BOA NOITE, GOSTARIA QUE ALGUEM QUE JA TEVE OSTEONECROSE NA CABEÇA DO FEMO SE FAZER A DESCOMPREENSAO É A SAIDA CERTA , POIS TENHO 31 ANOS , ESTOU EM DUVIDA SE FAÇO OU NAO,O MEDICO ME DISSE QUE SERIA ,ANTES DE COLOCAR A PROTESE, E DEPOIS DE FAZE A DESCOMPREENSAO LEVAREI UMA VIDA QUASE NORMAL. jaurid@bol.com.br

  41. jauri comenta:

    15 setembro, 2010 @ 9:58 PM

    meu email pra trocar ideias é jaurid@bol.com.br

  42. Elenice Beluzzi comenta:

    26 setembro, 2010 @ 6:40 PM

    Boa noite amigos… tenho 36 e estou com osteonecrose no fêmur direito há qse 4 meses… descobri recentemente, coisa de 1,5 meses através de ressonância… houve indicação de descompressão por dois ortopedistas, mas uma amiga me pediu para consultar uns médicos e fazer as aplicações citadas pela Tais…

    Confesso que minhas dores foram reduzidas à 5% …antes eu nao era ninguém para andar, dirigir, ou fazer qualquer coisa q me solicitasse equilibrio na perna direita.
    Na primeira aplicação de injeções de ozônio ja vi melhoras incríveis… depois começamos a associar PRP (plasma rico em plaquetas) e os médicos me pedem de 2 a 3 meses para repetir os exames e verificar se houve melhora no quadro ou a regeneração da necrose.
    Os médicos que me atendem, prestam serviços em SP, Bauru e Adamantina… se quiserem infos me enviem e-mail ebeluzzi@hotmail.com
    Uso muletas para evitar a deformidade da cabeça do femur que de acordo com os médicos ainda esta preservada.
    To na fé e na esperança !! Assim como desejo à vocês pleno reestabelecimento!!

  43. ARTHUR comenta:

    27 setembro, 2010 @ 9:27 PM

    Boa noite a todos, tenho 34 anos e ja faz desde final de 2008 q estou convivendo com este problema q nos afeta,,segue meu email para todos,pois sigo uma rotina q me alivia as dores,,,se puder ajudar estou a disposição,,,email- arthur.escher@hotmail.com cidade de presidente prudente-sp…..abraço a todos

  44. thata comenta:

    29 setembro, 2010 @ 10:59 AM

    Olá, estive em coma em agosto de 2009 por quase 2 meses, e os médicos por acharem que eu ñ sobreviveria ñ fizeram fisioterapia em mim durante este tempo, estou agora com necrose asseptica na cabeça do fêmur esquerdo, mas ñ tenho dor, faço fisioterapia 4 vezes por semana, tenho 26 anos, o médico ñ sabe o que fazer. O que vc pode me dizer? Obrigada desde já.

  45. Dil Grande comenta:

    5 novembro, 2010 @ 3:29 AM

    Olá,
    Por gentileza, vcs poderiam me informar mais sobre esta doença?
    Sofro dela já a algum tempo e as dores a cada dia se tornam mais insuportáveis,
    Desde já agradeço à atenção.

  46. Conceição comenta:

    2 dezembro, 2010 @ 1:30 AM

    Gostei das explicações, bem claras, gostaria de saber, pódendo me informar:Minha mãe sofreu uma queda, fraturou a bacia, já tirou 3RXs a fratura já colou, só que ela sente um dor muito forte na virilha direita, está usando andador até fazer uma Resonância Magnética, pra ter um dignóstio, poderia me antecipar, ficaria muito grata, obrigada

  47. Conceição comenta:

    2 dezembro, 2010 @ 1:31 AM

    Gostei das explicações, bem claras, gostaria de saber, pódendo me informar:Minha mãe sofreu uma queda, fraturou a bacia, já tirou 3RXs a fratura já colou, só que ela sente um dor muito forte na virilha direita, está usando andador até fazer uma Resonância Magnética, pra ter um dignóstio, poderia me antecipar, ficaria muito grata, obrigada,enta´gostaria de uma resposta.

  48. vicent de paulo silva comenta:

    29 dezembro, 2010 @ 1:37 PM

    estou com necrose avascular femural a 4 meses foi constatado cada dia fica pior meu medico diz pra me fazer a descompressao porque a cabeça do femur ainda esta boa oque devo fazer

  49. Marcelo comenta:

    3 janeiro, 2011 @ 8:41 AM

    Com relação à questão do Vincent, a informação que tenho é que a desconmpressão é importante fazer caso esteja com dor, pois o pré operatório não é dos melhores, Sei disso porque também tenho a cabeça dos femurs preservadas mas não sinto dor alguma, então resolvi abandonar exercícios de impácto e esperar a regeneração que segundo os médicos é possível.
    Abços !

  50. carolina dias comenta:

    7 janeiro, 2011 @ 3:53 PM

    vicent, em 2007 fez a descompressão,as dores diminuiram bastante, hoje ja não uso moletas e continuo fazendo fisioterapia e hidrofisioterapia , voltei a trabalhar,estou com indicação para colocação de protese

  51. Mayara Oliveira comenta:

    1 fevereiro, 2011 @ 2:19 AM

    Oii eu tenho 16 anos e tenhu um encurtamento no femur de 3 cm eu tive o meu problema aos 11 anos de idade antes não tinha problema algum já fiz tres cirurgias jah passei em varios medicos mais uns falam que voou poder voltar andar normal outros dizem que não eu só queria saber se posso voltar andar normal é unica coisa que eu quero esses 3 cm de diferenças me atrapalham mt quero ser dançarina q em alguns movimentos eles me atrapalham bastantem espero que tenha solução agradeço o retorno vai me ajuda mto Obrigado !

  52. Regiane - SP comenta:

    26 fevereiro, 2011 @ 12:50 PM

    Olá! Descobri a necrose na cabeça femural no dia 05/01/11, dois meses após o início das dores no quadril direito. Procurei três ortopedistas especializados em quadril e um deles me indicou a cirurgia de descompressão da cabeça femural, pois a àrea de necrose corresponde a 30% e não houve perda da esfericidade. Fiz a cirurgia em 15/02/11 e estou ótima, andando normalmente e sem dores. Como a cirurgia é recente, vou usar bengala para diminuir a carga, mas voltarei a trabalhar no dia 28/02, pois trabalho sentada e é perto da minha residência. Para não prejudicar minha recuperação, evito andar muito. Farei acompanhamento até minha recuperação total, acho que 3 anos. Um dos especialistas ficou surpreendido com minha recuperação, pois ando bem e consegui fazer os movimentos que ele pediu, disse que a cirurgia foi muito bem realizada. Estou confiante.

  53. eduardo dias da silva comenta:

    21 março, 2011 @ 2:58 PM

    Oi boa tarde Regiane eu tb descobrir a necrose da cabeça do femur a dois meses e nao sinto muita dor por enquanto queria saber se a descompressao seria uma boa ideia.E queria saber de sua parte como é feito esse tipo de tratamento
    Obrigado espero sua resposta e tenha uma boa recuperaçao

  54. eduardo dias da silva comenta:

    21 março, 2011 @ 3:01 PM

    desejo trocar algumas ideias com portadores de necrose na cabeça do femur
    eduardoeds@hotmail.com

  55. Regiane - SP comenta:

    2 abril, 2011 @ 5:40 PM

    Boa tarde Eduardo. Quando descobri procurei 3 médicos e somente 1 me recomendou a cirurgia. Os outros pediram para eu voltar para casa e fazer repouso, pois nada poderia ser feito antes do afundamento da cabeça femural. Então conversei com o meu marido e resolvi fazer a cirurgia, mas antes emagreci 12 quilos para ajudar na recuperação. Fui embora do hospital no dia seguinte e andei de muletas por 13 dias. Quando fui ao médico para tirar os três pontos ele se surpreendeu com minha rápida recuperação, pois eu estava andando normalmente não sentia dor. Voltei a trabalhar após 14 dias, mas usava bengala para que as pessoas não me derrubassem. Hoje, após 46 dias, ando bem, não sinto dor e faço fisioterapia diariamente para fortalecimento muscular e tomo alguns cuidados como não pegar peso e não fazer longas caminhadas. O médico e disse se até dezembro/11 a cabeça femural não deformar poderei retomar minha rotina e esquecer que tudo isso aconteceu.
    Segue meu e-mail para trocarmos experiências: regiane.gabi@gmail.com

  56. Regiane - SP comenta:

    2 abril, 2011 @ 5:44 PM

    Boa tarde Eduardo. A cirurgia é recomendada quando a cabeça femural ainda não deformou. Particularmente, a cirurgia foi a melhor decisão que tomei, pois hoje faço acompanhamento médico e fisioterapia, mas ando normalmente e quem me vê não percebe o que aconteceu.
    Segue e-mail: regiane.gabi@gmail.com

  57. Regiane - SP comenta:

    2 abril, 2011 @ 5:51 PM

    Boa tarde Eduardo. A opção de fazer a cirurgia é recomendada enquando não houver deformidade na cabeça femural. Eu continuo com o acompanhamento médico e fisioterapeutico pós cirurgico, mas ando normalmente tomando o cuidado de não pegar peso e não fazer longas caminhadas. A cirurgia de descompressão foi a melhor decisão que tomei.

  58. Carlos comenta:

    20 maio, 2011 @ 9:08 AM

    Coloquei duas prótese total da cabeça do femur. A primeira não ficou muito boa, pois o médico colocou uma prótese muito grande, na seguanda, fiz com outro cirurgião e ficou perfeita. A primeira ainda sinto dores em alguns movimentos. Gostaria de saber quais os exercicios que posso fazer. Pois a primeira perna está um pouco mais fina do que a seguanda.

  59. aline comenta:

    19 junho, 2011 @ 9:47 PM

    Olá, meu irmão está com necrose no femur, e gostaria de indicação de médicos especialistas no caso.

    Muito Obrigada, Aline

  60. aurelina comenta:

    8 julho, 2011 @ 1:25 PM

    Tenho 47 anos, fiz uma cirugia de protese do femur já fez 15 anos. Na primeira o medico não queria fazer, pois dizia que eu era muito jovem, mas tive necrose na cabeça do femur e sentia muitas dores. Decidir fazer mesmo com todos os contras do medico. Foi otimo me recuperei em dois meses e voltei a trabalhar.
    Acredita que ninguem imaginava que tinha uma protese, eu estava perfeita. Aqora depois de 15 anos voltei a sentir dor,ela não é contante, mas tem atrapalhado um pouco, pois trabalho andando o dia todo e tambem muito peso.
    O pior é que estou morando na França e ao contrario que muitos pensam tem tambem medicos ruims, tenho medo porque eles dizem que corro riscos enormes na cirugia que pode dar errado, até achei um que diz que devo tomar remedios pra dor e antiflamatorios.Decidir aguentar até onde puder pois eles não passam nenhuma segurança pra fazer a segunda cirugia.

  61. paulo ivan stephan comenta:

    15 julho, 2011 @ 10:55 AM

    Eu tenho 41 anos e estou com necrose no femur e bi – lateral eu tomo alendronato de sodio e nao estou sentindo melhora meu medeco me diz que sou muito novo pra fazer cirurgia mas eu nao estou agentando mais as dores . Sera que uma cirurgia nao seria melhor eu so motorista de caminhao e estou parado a um ano e meio e sinto muita vontade de voltar a trabalhar espero que voces respondao este e-mail . Agradeco a oportunidade de espor o meu caso pra voces.

  62. Aldoir xavier de olveira comenta:

    7 agosto, 2011 @ 3:32 AM

    Ola!Tenho 22 anos, desde inicio do ano venha tendo dores no quadril.Por meio de ressonância magnética descobri que tenho uma fratura nacabeça femural, do lado direito e esquerdo,aonde aponta um pequeno foco de osteonecrose, desde então até a data atual venho tomando medicamentos para dor e artoglico, o convenio liberou dez, das quarenta seções de câmara hiperbárica que foi solicitado. As dorem estão bem menores pois passo a maior parte do tempo em repouso, a questão é se eu tenho chance de me recuperar totalmente éssa é minha duvida! obrigado pela atenção. atenciosamente: Aldoir Xavier

  63. Regiane - SP comenta:

    14 setembro, 2011 @ 10:11 PM

    Olá! Antes de tomar qualquer decisão aconselho que vocês procurem vários médicos para ouvirem opiniões diferentes. No meu caso, após 7 meses da cirurgia de descompressão estou ótima. Ando normalmente e voltei a minha rotina. Em São Paulo existem ótimos médicos e hospitais de referência no assunto.
    Caso queiram os contatos, me mandem e-mail: regiane.gabi@gmail.com.

  64. Maria Cristina comenta:

    20 outubro, 2011 @ 6:48 PM

    Olá! Meu namorado fez a cirurgia de descompressão da cabeçã do femur, faz 29 dias, o médico falou q ele não poderia colocar o peso naperna direita de jeito nenhum nem dirigir, mais ele e muito teimoso. Hoje ele pegou o carro e saiu. Gostaria de saber o que pode acontecer, se pode haver algum problema? Por mais q eu fale ele não me ouve diz que esta super bem, pois desde q fez a cirurgia não sente mais dores. Só que ele tem o mesmo problema do lado esquerdo. Ele pode dirigir ? Espero resposta pois ai quem sabe ele lendo ele se aquieta. Obrigado

  65. Regiane - SP comenta:

    25 outubro, 2011 @ 7:41 PM

    Oi Maria Cristina. É extremamente importante seguir as recomendações médicas. Seu namorado poderá continuar com a sua rotina se respeitar o período de recuperação. Realmente, após a cirgurgia, nos sentimos muito bem, mas não podemos descuidar, pois a cabeça do fêmur pode afundar e se isso acontecer, ele terá que colocar prótese. Vale a pena repousar por alguns meses para voltar a ter uma vida tranquila e saudavel por muito tempo.

  66. Marcelo comenta:

    26 outubro, 2011 @ 8:22 AM

    Bom dia a todos !
    Alguém dos senhores sabe se existe uma necrose menos ou mais acentuada na cabeça do femur e em caso positivo qual o exame que eventualmente pode detectar isso?
    Essa pergunta é relevante pra mim pois tenho o diagnóstico de osteonecrose femural nas duas pernas, via ressonãncia magnética semestral, todavia não sinto dor alguma e por medida preventiva, de acordo com o médico parei todos os exercícios que geram impácto. Isso já tem 2 anos e continuo sem a mínima dor e frustado por estar parado a tanto tempo sem nenuma alteração no quadro.

    Boa sorte a todos.

  67. Regiane - SP comenta:

    26 outubro, 2011 @ 7:41 PM

    Olá Marcelo. O grau de necrose pode ser identificado na ressonância magnética. Se nos últimos exames que você fez não há alteração e não sente dor, é um bom sinal, pois as células ósseas se renovam a cada 4 meses aproximadamente, e é possível que você não tenha mais a osteonecrose; a cirurgia de descompressão com incherto é indicada para acelerar esse processo. De qualquer forma, sugiro que você pocure outros médicos para esclarecer a dúvida.

  68. Marcelo comenta:

    26 outubro, 2011 @ 10:05 PM

    Boa noite a todos!
    Fui diagnosticado como portador de necrose avascular de femur, tenho 42 anos e sinto muitas dores.Até agora o médico qeu fez a diagnose apenas me apresentou as possibilidades. Preciso escolher entre a prótese, a descompressão ou esperar até aguentar e ai sim colocar a prótese. Tenho considerado que a melhor alternativa seria esperar. Mas ainda preciso de mais opiniões médicas. No caso de resolver esperar, gostaria de saber se alguém sabe de algum tratamento alternativo para diminuir as dores, o que me permitiria adiar a cirurgia. Tembém penso na cirurgia de descompressão, se teria algum sucesso. Se alguem possui alguma informação e puder me orientar, ficaria muito grato.

    Obrigado e boa sorte a todos nós!

  69. ROBSON comenta:

    4 novembro, 2011 @ 1:40 PM

    VERDADE , TENHO NECROSE NAS DUAS PERNAS E DOI MESMO MUITO E VAI CRESCENDO A DOR DEVAGAR E FAZ 2 ANOS AGORA A DOR E MUITO FORTE E VOU OPERAR HOJE ESTE PROCEDIMENTO NAO E NENHUM BICHO DE SETE CABEÇAS A MEDICINA E OS MEDICOS EVOLUIRAM BASTANTE. FUI EM VARIOS MEDICOS AQUI EM FLORIPA E SAO PAULO TODOS FALARAM MESMA COISA O SEGREDO E BOM MEDICO QUE TEM VARIOS, BOA PROTESE SE POSSIVEL IMPORTADA E MUITA PACIENCIA MAS A VIDA VOLTA QUASE AO NORMAL PELO MENOS FOI QUE MINHA PESQUISA MOSTROU EU ESTOU PRONTO PRA OPERAR EM BREVE. O QUE NAO DA MAIS E PRA BATER AQUELA BOLINHA. DAR AQUELES SALTOS MORTAIS. MAS FALAQ SERIO COM 44 ANOS EU JA NAO IA FAZER ISSO MESMO. PRA NAMORAR SEM PROBLEMA COMER BONS PRATOS TAMBEM DA . O QUE QUERES MAIS O MANE, ARROMBASSES. UM ABRAÇO A TODOS QUE PASSAM PELO MESMO PROBLEMINHA FE AMOR E PAZ A TODOS. ROBSON ROBERTO LEITE. FIGUEIRENSE RUMO A LIBERTADORES.

  70. Tâmara comenta:

    19 dezembro, 2011 @ 6:19 PM

    Eu tenho 29 anos, e descobri recentemente, através de ressonância magnética, que tenho osteonecrose asséptica femoral bilateral, ou seja, nas duas pernas. Fiz há 50 dias uma cirurgia de substituição da cabeça do fêmur-de uma perna,-por uma prótese. Segundo meu médico, a melhor forma de ter ma boa recuperação era andando, porém durante 30 dias utilizei o andador. Vinte 20 dias eu já andei sem andador e minha recuperação vem sendo fantástica, estou mancando bem pouco. Para mim, a substituição do osso por uma prótese foi a melhor solução e um grande alívio para minhas dores, pois não havia mais medicamento que as diminuíssem. Agora a outra perna começou a doer como era de se esperar, mas irei operá-la assim que completar o prazo de 120 dias de recuperação da primeira cirurgia. Hoje me sinto muito feliz em saber que pude contar com um excelente médico que me orientou a fazer esse procedimento, pois na minha opinião, a descompressão é paliativa, ou seja, apenas amenizaria minhas dores.
    Eu honestamente estou bastante confiante, pois hoje, 50 dias depois sinto minha perna operada excelente, e as dores acabaram completamente. Estou ansiosa para operar a outra e sanar esse problema de uma vez. Caso queiram informações sobre meu médico e sobre o procedimento, de modo geral, podem contatar-me. thamaramarques@hotmail.com.br

  71. zhires comenta:

    21 dezembro, 2011 @ 6:46 PM

    Ha muitos anos meu marido sofre com dores nas pernas,nos dois lados do quadril,ele consultou em abril,fez raiox,e o medico,suspeitou de necrose no femur e bacia.Pediu exame de ressonancia magnetica,tem 6meses que entregamos na secretaria de saude,de Ibirite,e ate hoje nao foi feito.Ele nao consegue trabalhar,anda com muita dificuldade,esta deprimido por nao trabalhar,nem conseguil o auxilio doença pelo inss.Gostaria que alguem me ajudasse,indicando onde ele pode fazer um exame de ressonancia mais em conta,pois olhei em alguns laboratorios,mas sao muito alto os preços.Atenciosamente.AMB.

  72. Patricia Silveira de Souza comenta:

    8 janeiro, 2012 @ 10:39 PM

    Fui diagnosticada recentemente com necrose avascular do fêmur, o médico me preescreveu carbonato de cálcio 500mg+ vit d 2x ao dia, alendronato de sodio 70mg 1x por semana e 7 gotas de Addera por dia, e repouso de 6 meses.Tenho 34 anos, descartou cirurgia no meu caso. Gostaria de saber se existe algum tratamento mais rápido e eficaz? Tenho muita dor e estou mancando a mais de um mês. Não quero me afastar do trabalho todo esse tempo e quero voltar a andar normalmente o mais breve possível. Por favor, peço sua ajuda. Sem mais, agradeço e aguardo sua resposta.

  73. jose ricardo r.almeid comenta:

    26 janeiro, 2012 @ 10:58 AM

    fiz cirurgia do quadril a 10 dias de uma das pernas tou com muita dificuldade pra dormir devido a posiçaõ para dormir pos conforme a posiçaõ doi muito a protese sera que e normal se alguem fez me informe por favor obrigada

  74. Keissy comenta:

    28 fevereiro, 2012 @ 12:08 PM

    Tenho 27 anos, e há um ano atrás terminei minhas sessões de quimioterapia para curar a Leucemia Linfóide Aguda. Durante a quimio, esteróides também foram usados, e o efeito colateral disso resultou em Osteonecrose Avaral e Umeral. Comecei a sentir dores nos ombros, virilha, e dificuldade para andar! Já vai fazer 1 ano, que terminei a quimio, e que a osteonecrose veio…sempre tenho muitas dores, e comecei a usar bengala para poder caminhar sem mancar. A bengala ajudou nas dores, e o cansasso diminuiu! Tomo remédios para dores…
    Meu médico diz que sou muito nova para operar, e que o essencial é esperar “piorar” para poder operar, ou retardar a evolução da doença. Como todos aqui, não vejo a hora de poder andar normalmente, esticar meus braços…ter o livre movimento do corpo todo! Queria saber se há exercícios que possa fazer nessa situação,porque eu sinto meus músculos meio travados, e por não conseguir me esticar, acabo tndo dores musculares…

  75. Regiane - SP comenta:

    28 fevereiro, 2012 @ 7:52 PM

    Keissy, sugiro que você procure outras opiniões médicas antes de decidir em fazer a cirurgia de descompressão ou esperar para colocar as próteses. No meu caso 2 médicos diferentes de hospitais de referência em ortopedia em São Paulo me orientaram a esperar para colocar as próteses, e na época eu tinha 24 anos e sentia muitas dores, não conseguia andar direito, as pessoas ficavam olhando para mim e eu sentia muita vergonha e sofria muito com essa situação. Encontrei um médico que me orientou a operar e foi a melhor decisão que eu tomei. Fez 1 ano em fevereiro e estou ótima. Meu pai de 84 anos colocou prótese no quadril direito em fev/12 e está muito bem, mas por enquanto utiliza o andador como apoio e ele está muito satisfeito com os resultados.

  76. Elenice comenta:

    28 fevereiro, 2012 @ 10:14 PM

    Pessoal… tempos depois volto aqui pra relatar… fui curada com as aplicações de ozônio e PRP… meu fêmur está recuperado plenamente, estou livre das dores e da limitação….
    Se quiserem alguma informção, fico à disposição.
    ebeluzzi@hotmail.com

  77. marcelo comenta:

    3 março, 2012 @ 12:12 AM

    boa noite , tenho necrose cabeça femur , fiz a descompressao ossea , faz 6 meses , fiquei 3 meses de muleta , em total recuperaçao , o medico me pediu um raio x , qdo voltei nele , ele me falou que tinha me dado um osso novo , mais hje 3 meses apos , volto a sentir muitas dores ainda , nao sei o que faço , to meio desacretitado ,tenho 39 anos , agradeço se receber algumas mensagens de orientaçao ou ajuda

  78. marcelo comenta:

    3 março, 2012 @ 12:19 AM

    elenice , vc poderia me explicar mais sobre aplicaçoes de ozonio , ? PRP?

  79. demir comenta:

    10 março, 2012 @ 12:11 AM

    ola tenho necrose na cabesa do femo ja pasei pour uma serugia reconposisao da cabesa do femo mas nao adiantou nada sinto muitas dor traballo cortando cana numa uzina se que depois que por a protes eu volte minha funçao no meu serviso

  80. juliana miranda comenta:

    2 abril, 2012 @ 12:07 PM

    olá boa tarde!
    meu irmão tem necrose da cebeça do femur, ja tem uns dois anos, jah corroeu 3 cm do osso, ele tem 24 anos… ele jah foi em todos ortopedistas do plano de saude dele, e todos dizem que por enquanto não pode fazer cirurgia nele, ele tah sofrendo muito, senti muita dor, sem contar o psicologico dele, ele fala o tempo todo sobre a doença, tento nao tocar muito no assunto, mas tah dificil…o que me resta eh rezar… que Deus ouça os clamores de todos que precisam se curar dessa enfermidade!!

  81. filipe comenta:

    4 abril, 2012 @ 2:49 PM

    ola boa tarde tenho 26 anos, e a cerca de uma semana fiz uma cirurgia na cebeça do femur tiveram que por 2 parafusos e uma tala,
    mas tenho sentido muitas dores mal consigo dormir, alguem me pode dizer quanto tempo mais as dores vao durar.
    obrigado a todos e as melhoras.

  82. Sérgio comenta:

    25 maio, 2012 @ 10:48 PM

    Em 2007, aos 43 anos, descobri que tinha necrose asséptica bilateral. No mesmo ano coloquei uma prótese no quadril, lado direito, já que deste lado o osso estava bastante comprometido e que praticamente acabou com a dor naquele lado. Em 2009, devido as fortes dores no lado esquerdo, me submeti a uma cirurgia de descompressão, enxerto ósseo c/ células tronco, pois este procedimento ainda era viável, devido ao estado que se encontrava o osso. Mas o médico disse que depois dos 45 anos a cirurgia não era muito aconselhada. A decisão foi acertada, as dores não acabaram totalmente, mas diminuíram consideravelmente, o que me permitiu adiar a colocação da prótese para quando eu estiver mais velho.

  83. geraldo comenta:

    28 maio, 2012 @ 5:34 PM

    Li quase todos os comentarios , sou cardiaco, e a medica me mandou andar , pois a pos 150 metros não gonsigo mais andar .Obrigado pela oportunidade ok.

  84. JANAINA comenta:

    28 maio, 2012 @ 7:23 PM

    OLA, MEU NOME É JANAINA TENHU PLACA E PARAFUSO NO FEMUR, QUANDO SOFRI O ACIDENTE FRATUREI A PELVE (BASIA) MAS FOI RETIRADA A PLACA COMESEI A SENTIR DOR NA PERNA, NO FEMUR, QUERIA SABER SE PODE SER ALGO SERIO E SE POSSO FAZER ACADEMIA? OBRIGADA!

  85. JOSÉ CARLOS comenta:

    7 julho, 2012 @ 10:08 AM

    OLA MIM CHAMO JOSÉ CARLOS SOFRI UM ACIDENTE ,POS FATUREI O FEMUR ESQUERDO POS TENHO VONTADE DE SER UM PM ,GOSTARIA DE SABER QUE ESSA FATURA EMPEDE QUE EU SEJA UM PM,E SE PODERIA FASER CADEMIA.AGUARDO RESPOSTAS OBG.

  86. alexsandro freires da silva comenta:

    8 julho, 2012 @ 4:55 PM

    OI PESSOAL, MEU NOME É ALEXSANDRO E TENHO 35 ANOS, DESDE JANEIRO, SOFRIA COM MUITA DOR NA VIRÍLIA SOMENTE EM ABRIL, FIZ RESSONANCIA MAGNÉTICA,.. DEU NECROSE NA CABEÇA DO FEMUR, PASSEI POR DOIS MÉDICOS NÃO ME DERAM MUITA ESPERANÇA, MAS PROCUREI UM TERCEIRO MÉDICO,INDICADO, E ME EXAMINOU, ACHANDO QUE SÓ A PRÓTESE RESOLVIA,POIS A PERNA ESTAVA MAIS CURTA Q. A OUTRA,PEDIU ALGUNS EXAMES, E UM RX, E NO RX, ELE DISSE QUE A CABEÇA DO FEMUR AINDA ESTAVA PRESERVADA, E DAVA PARA FAZER A DESCOMPRENÇÃO DELA, E FIZ A CIRURGIA DIA 18/6/2012 ESTOU ME RECUPERANDO ANDANDO DE MULETAS,NÃO SINTO MAIS A DOR NA VIRÍLIA, SÓ UM POUCO DE DOR NA COXA, MAS ESTÁ ACABANDO, GOSTARIA DE SABER SE VOU VOLTAR A VIDA NORMAL, SE ALGUÉM JA PASSO POR ESTA SITUAÇÃO, E SE EXISTE ALGUM EXERCÍCIO, OU TERAPIA, QUE POSSA FAZER PARA A PERNA, POIS ESTÁ MAIS CURTA, MUITO OBRIGADO, AGUARDO RESPOSTA…alexsandro017@hotmail.com

  87. Isabela comenta:

    12 julho, 2012 @ 7:17 PM

    Olá , meu nome e Isabela tenho 17 anos e sofri im acidente dentro de casa , escorreguei no banheiro no dia 27 de outubro de 2011 , fiz a cirurgia coloquei um pino , esse pino eu tinha que ficar com ele por um ano, quando completou 5 meses tive que retiralo pois ja estava entrando dentro da carne , dei artose.
    passou se uns dias depois de que fiz a segunda cirurgia meu nervo ciatico inflamou, fui para cadeira de rodas , agora fui no medico e descobri que deu necrose e se nao melhorar vou ter que faer uma cirurgia que retira a cartilagem e cola osso e ficar sem movimento da bacia ate no jeolho… so tem essa solução?

  88. Valter Batista comenta:

    22 agosto, 2012 @ 3:56 PM

    Pessoal olá…tenho 39 anose a 4 anos sofro com osteonecrose de cabeça de femur. Fiz a primeira cirurgia em Janeiro/2012 e já vou para segunda perna….

    A recuperação é dificil…mas o resultado é otimo.

    Já tomei todos os tipos de medicamentos..mas nada alivio a dor, somente com a artioplastia me sinto bem….

    Voltarei aqui ainda já recuperado para deixar meu depoimento.

  89. Heleno gabriel espindola comenta:

    31 agosto, 2012 @ 12:57 PM

    Boa tarde. Eu tenho 42 anos sofri 2 anos com osteonecrose o convenio não queria fazer a cirurgia, dizia que eu era muito novo decidi fazer a cirurgia colocou uma prótese de cerâmica cerâmica já faz 137 dias ,estou super bem já estou dirigindo
    retomei o trabalho a recuperação foi de 60 dias ja estava andando de bengala no dia 14 fou fazer descompresao da outa perna. hgespindola@gmail.com

  90. Maria Lucia da Silva Garcia comenta:

    1 setembro, 2012 @ 3:35 PM

    Alguém pode me ajudar? pois to desesperada, já passei por
    uma cirurgia de coluna lombá, á 3 meses atrás comecei a sentir dors no fêmur e na regiao da virilia. Fiz os exames, o médico falou que deu desgaste no fêmur,já tenhp 4 próteses na coluna, séra que existe algum medicamento que possa resolver este problema?
    por favor me ajude pois já procurei até um psicólogo por estar com depressão, Desde já Fico Grata.

  91. Sérgio Barreto comenta:

    3 dezembro, 2012 @ 9:10 PM

    Boa noite tenho 31 anos e a dois anos tenho fortes dores na virilha e quadril e a pos passar por 6 medicos foi diagnosticado necrose da cebeça do femur e foi marcada minha cirurgia para a primeira semana do mes de janeiro, estou com medo da cirurgia. Gostaria de saber sobre a recuperação e quanto tempo terei que ficar em casa. Abraços

  92. carlos comenta:

    21 dezembro, 2012 @ 10:38 PM

    ola bom dia meu carlos tenho 26 anos a 1 ano 6 meses atraves de um resonancia magnetica foi diagnostigada necrose cabeça do femur .hoje em dia as dores sao intensa muito forte .depois de passado por varios especialista um medico me falou de uma nova tecnica .com celular troncos .vou fazer essa cirurgia dia 08/01/2013 estou muito apriencivo.outra coisa todos que tem esse problema sofre muito ate chegar em uma solução.por que remedio nem um resolve nada faz a dor passar .a unica solução é cirurgico protese ou essa nova tecnica e deus.por que a protese importada tem um curto muito alto sai a mais de 50 mil reai e ela so dura 25 anos.

  93. Everton comenta:

    13 janeiro, 2013 @ 5:40 PM

    E ai Carlos,
    Como foi a cirurgia? onde voce esta se tratando/com que médico? nos deixe informados!!!!!!

    Eu tenho consulta no dia 28/01 para encaminhar a cirurgia de descompressão combinada com a tecnica de celulas tronco, vamos ver no que vai dar.

    Everton

  94. carlos comenta:

    14 janeiro, 2013 @ 6:03 PM

    bom dia meu amigo! Everton minha cirurgia foi adiada eu atrasei nos exames ficou marcada para dia 24/01/2013 estou agardando .muito obrigado pelo retorno fica com com deus.

  95. Joao mario comenta:

    16 janeiro, 2013 @ 1:53 PM

    Tenho 41 anos e necrose femoral bilateral. Meu medico sugeriu a descompressao pois ainda possuo esfericidade das cabeças femorais. Farei a descompressao no dia 25 proximo e o que me preocupa e que sera feita dos dois lados de uma vez so. Terei que ficar 2 meses numa cadeira de rodas sem pisar no chao. Tudo isso para um prognostico otimista de 30% de dar certo e evitar a protese em curto prazo. Estou preocupado mas confiante. As dores tem ficado cada dia mais fortes. Um abraço.

  96. luiz geraldo duraes comenta:

    28 janeiro, 2013 @ 10:12 AM

    Ola.
    Bom dia , teno 57 anos tenho uma doença de legg.pergsom
    deformidade na bacia nos femures DeE, fui submetido a uma sirurgia no femur E quando tinha 12 anos, não sentindo mais dôres, mais após 40 anos voltei a sentir dor naperna D na virilha e radiando até ojoelho tem dias que não aguento, tenho mêdo de colocar protése tenho que andar com auxilio de bengala e não aguento ficar muito tempo de pé e nem assentado, tenho diculdades de andar muitas dôres no joelho D. Se algem souber me indique algum medicamento para aliviar as dôres, não posso fazer uso de Diclofenaco de potácio e nem sódio problemas gástricos. Peço ajuda a quem puder,Obrigado.Luiz/Bhte/MG.

  97. Karina comenta:

    28 janeiro, 2013 @ 6:18 PM

    Pessoal, ainda não decidi sobre descompressão nem sobre prótese.
    Não faço fisioterapia. Fui só em dois mpedicos e me afastei um pouco de tudo.
    Os mésicos dizem que posso andar de bicicleta e nadar.
    Quero fazer exercícios físicos, gostaria de saber se, além de bicicleta e nadar, posso fazer outros exercícios.
    Tenho feito musculação (braço) sentada.
    Queria saber se posso fazer exercícios de adução e abdução fora da máquina (no colchão com pesinhos nos pés), e exercícos de gluteo no colchão. Alguém sabe ? Ou alguém conhece quem saiba????

  98. Camila comenta:

    1 fevereiro, 2013 @ 10:24 AM

    Poderiam me dizer como é a cirurgia de descompressão, talvez terei que fazer na cabeça do femur esquerdo estou aguardando o resultado de uma Ressonancia, queria detalhes sobre a anestesia se no caso de vcs foi local?como é a recuperação?doi muito apos os primeiros dias?
    Obrigada a todos estou muito apreensiva!!!

  99. claudio comenta:

    8 fevereiro, 2013 @ 3:25 PM

    ola pessoal.entao fis descomprençao bilateral do femor no dia 08 de outubro de 2012 fiquei dois meses de cadeira de rodas e agora no momento estou andando com andador e nao sei ate quando ,vou começar a fazer fisoterapia no dia 14/02 pesso se alguem ja fes esse procedimento descomprençao favor comentar

  100. Camila comenta:

    21 fevereiro, 2013 @ 4:31 PM

    Fiz a descompressão do quadril esquerdo fazem 13 dias,retirei os pontos ontem,ainda sinto um pouco de dor no local,continuo tomando corticoide e iniciei a fisioterapia hoje ,continuo andando de muletas sem carga no quadril esquerdo.Na semana que vem inicio a hidroterapia,espero que as dores passem.

  101. jairo comenta:

    5 março, 2013 @ 11:09 AM

    olá amigos! eu tenh necrose do femur direito e já faz 18 anos que eu convivo com esse problema. ja sofri d mais. muitos preconceitos, vcs nao tem noção do quanto ainda sofro, só o Senhor que tem me ajudado mesmo… peço ajuda e telefone de contato de alguem que queira trocar umas idéias sobre o caso. obrigado!

  102. jairo comenta:

    5 março, 2013 @ 11:16 AM

    olá galera, meu telefone é 88 36778500 ou 88 92332285 liguem,preciso trocar esperiencia sobre necrose avascular do femur

  103. Everton comenta:

    11 março, 2013 @ 6:51 PM

    E ai Camila, como estao as coisas.
    Ja sentiu alguma melhora?

  104. Everton comenta:

    11 março, 2013 @ 6:51 PM

    Carlos,
    Conseguiu fazer a cirurgia?
    Como voce esta?

  105. ana paula comenta:

    28 maio, 2013 @ 9:04 PM

    Olá meu nome e Ana Paula tenho 27 anos, e há 3 anos sofri um acidente e fraturei o fêmur. Ando mancando, e ainda não superei isso. Queria saber se tem como melhorar o meu andar com algum tratamento.
    Aguardo respostas.

  106. Murilo comenta:

    18 julho, 2013 @ 2:29 PM

    Olá,

    tenho 35 anos e a 6 meses descobri oesteonecrose bilateral. alguem saberia me dizer por quanto tempo consigo levar sem operar e se caso opere o procedimento será de PRP quanto leva a recuperação de cada perna?

  107. Murilo comenta:

    18 julho, 2013 @ 2:30 PM

    caso alguem queira torcar experiencia, segue meu email
    murilo.coelho.jr@uol.com.br

  108. Everton comenta:

    15 agosto, 2013 @ 9:33 PM

    Ola pessoal,
    Fiz a cirurgia de descompressão da cabeça femoral na perna esquerda aliada a aplicação de células mesenquimais no dia 02/07/13.
    Fiquei 40 dias de muletas e agora estou voltando a andar normalmente.
    As dores reduziram significativamente.
    Estou fazendo fisioterapia e a qualidade de vida melhorou.
    Ainda é cedo para qualquer certeza, pois meu médico pediu pelo menos 6 meses para avaliarmos o resultado da cirurgia.

    Abraço a todos e força, sei o que passamos com este problema
    Everton

  109. nkiama ndombe comenta:

    13 outubro, 2013 @ 11:14 AM

    ola pessoal,chamo-me nkiama tenho 25 anos de idade sou angolana e vivo em luanda.tenho este problema desde 4 anos de idade,coxo porque a minha perna direita perdeu 3,5cm.vivo com muitas dores e fiz consulta em tres ortopedista e um dos doctores me disse que estou com o problema na cabeça do fermur direito,e disse-me pra acabar com as dores tenho que fazer uma cirugia.aqui em Africa a saude nao e muito bom,por isso preciso de ajada de voces.qual a cidade melhor a fazer esta cirogia?em que hospital realizar esta cirogia?e quanto custa esta cirugia?sera que posso voltar ao normal?amigos quem queres me ajudarem entre em contacto comigo apartir do meu mail que e billyjuniorkab@yahoo.fr agradeceria com voça ajuda.

  110. Daniely almeida comenta:

    13 novembro, 2013 @ 2:23 AM

    oi gostaria de saber das pessoas que fizeram artroplastia(protese) como ficaram depois, se pararam de mancar, sentir dor.. com quais limitações ficaram

  111. Aldair (BH) comenta:

    9 abril, 2014 @ 3:15 PM

    Prezados. Estou com um problema parecido (Necrose da Cabeça do Femur) lado direito em grau 3, descoberto em Nov2013. Fui submetido a uma cirurgia de descompreção na cabeça do femur, e hoje já se passaram 2 meses e 17 dias. Minha pergunta: – caso nao apresente melhora no tratamento eu terei somente a opção de ato cirúrgico para remoçao da cabeça do femur e implante de prótese, ou tenho outras possibilidades. E o tratamento com injeção de PST,é uma possibilidade?

Deixe seu comentário aqui !