02 - set
  

Síndrome de Behçet

Categoria(s): Caso clínico, Neurologia geriátrica, Reumatologia geriátrica




Interpretação: Síndrome de Behçet

  • Senhora de origem japonesa de 50a de idade é encaminhada para avaliação diagnóstica por colega oftalmologista que a tratou de uveíte anterior aguda com hipópio (pus na câmara anterior do olho)*. Na sua história clínica, hospitalização por meningite asséptica há 6 meses e dois episódios de trombose venosa profunda no último ano. Há cerca de três meses teve derrame articular no joelho esquerdo que regrediu espontâneamente. Refere ter aftas frequentes. O médico oftalmologista não requisitou exames laboratoriais, temendo surgimento de feridas, que a paciente refere sempre quando colhe sangue.
  • No exame físico o único dado positivo e a presença de aftas em fase de cicatrização.

Qual o possível diagnóstico?

Mulher, de origem japonesa, com uma doença multissistêmica recorrente, incluindo inflamação ocular, meningite, trombose venosa, ulcerações orais e doença inflamatória na articulação do joelho esquerdo, levanta a hipótese de doença de Behçet. A doença de Behçet se caracteriza clinicamente por ulcerações aftosas orais (característica necessária da doença) e pelo menos dois dos seguintes sinais devem estar presentes: úlceras genitais, lesões oculares, lesões de pelo (incluindo vasculite, eritema nodoso, nódulos acneiformes) e teste positivo de patergia (uma reação inflamatória a uma lesão cutânea local).
As anormalidades neurológicas incluem grande variedade de problemas difusos e focais, incluindo infarto e trombose venosa cerebral. A trombose venosa periférica pode incluir as veias cava, porta ou hepáticas, além das extremidades, que são as mais comuns.

O acometimento de pessoas de outra etnia é pouco frequente.O diagnóstico diferencial deverá ser feito com outra doenças que podem causar ulcerações orais, como: Lupus eritematoso sistêmico (LES), onde as ulcerações são frequentes, a meningite estéril ocorre ocasionalmente e pode ocorrer associação com síndrome de anticorpo antifosfolipídio – que produz um quadro de hipercoagulabilidade, que ocasiona vários quadros de trombose.* Uveíte é uma inflamação intra-ocular que compromete total ou parcialmente a íris, o corpo ciliar e a coróide (o conjunto dos três forma a úvea), com envolvimento freqüente do vítreo, retina e vasos sangüíneos. As causas mais freqüentes de uveíte acompanhadas de hipópio são: espondilite anquilosante, artrite reativa (ou síndrome de Reiter), doença de Behçet, uveíte facogênica e herpes simples. Com exceção desta última, deve-se instituir o tratamento com corticóide tópico e/ou subconjuntival de ação rápida, como a dexametasona.

Veja a anatomia do olho normal na páginaDiabetes mellitus – Retinopatia diabética

Referências:

Criteria for diagnosis of Behçet’s disease. International Study Group for Behcer’s Disease. Lancet 1990;335:1078-1080.
Sakane T, Takena M, Suzuki N, Inaba G – Behçet’s disease. N Eng J Med 1999;341:1284-1291.

Tags: , , , , , , , , ,




Comentário integrado ao Facebook:


18 Comentários »

  1. nitiele comenta:

    12 setembro, 2008 @ 9:18 AM

    gostaria de receber mais informação sobre a doença de behçet minha mãe e portadora da mesma.

  2. helder comenta:

    16 outubro, 2008 @ 10:17 AM

    ola, só agora é que por acaso vi na tv a falarem desta doença, e vim logo ver o que éra, pois eu desde a alguns anos que tenho muitas aftas, chego a ter 2 e 3, e demoram quase 1 mês a passar, já falei com o dentista, já fui ao médico e dizem me que pode ser de muita coisa, sistema nervoso, estomago, etc…mas nunca me dizem o que posso fazer para descobrir porque tenho muitas aftas, e quase todas muito grandes…. gostava de saber mais pormenores sobre esta doença a quem souber, obrigado..
    sou o helder e tenho 28 anos

  3. helder comenta:

    16 outubro, 2008 @ 10:19 AM

    ola, só agora é que por acaso vi na tv a falarem desta doença, e vim logo ver o que éra, pois eu desde a alguns anos que tenho muitas aftas, chego a ter 2 e 3, e demoram quase 1 mês a passar, já falei com o dentista, já fui ao médico e dizem me que pode ser de muita coisa, sistema nervoso, estomago, etc…mas nunca me dizem o que posso fazer para descobrir porque tenho muitas aftas, e quase todas muito grandes…. gostava de saber mais pormenores sobre esta doença a quem souber, obrigado..
    sou o helder e tenho 28 anos

    heldergt@hotmail.com

  4. izani comenta:

    2 novembro, 2008 @ 9:37 PM

    oi , a minha sobrinha tem suspeita de ter essa doença , eu gostaria de saber mais sobre ela e tirar duvidas . Obrigada

  5. HILTON ARAUJO DE SOUZA comenta:

    6 março, 2009 @ 9:31 PM

    OLA.. TENHO ESSA DOENCA A 7 ANOS E ESTOU SENDO ACOMPANHADO PELO MELHOR MEDICO DO BRASIL .. DR . ANTONIO CARLOS XIMENES ” FONE ( 062 ) 3225 5553 / 3225 5290 /

  6. Lucia Candido Ribeiro comenta:

    29 abril, 2009 @ 7:09 PM

    Olá, tbm sou portadora da síndrome de BÇ a 8 anos e estou sendo acompanhada justamente por um pai, o melhor, um humano e senssível como nós, o DR. ANTONIO CARLOS XIMENES.Graças a DEUS e a ele Dr Ximenes, estou viva e bem melhor. Qualquer informação, pode me procurar…Obrigada!!!!

  7. Eliade Pimentel comenta:

    28 maio, 2009 @ 9:23 PM

    Olá! Também fui diagnosticada pelo reumatologista Antonio XImenes. Foi ele, há cerca de três anos que descobriu, através de xames clínicos, que eu sou portadora do Behçet. Infelizmente, tenho estado meio rebelde e desobedeci à recomendação de não ingerir álcool, e tenho sentido um pouco de medo de ficar doente de novo. Já tive crises de uveíte gravíssima, mas graças a Deus o problema está sob o controle do medicamento Metotrexato. Eu me mudei de Goiânia, mas me trato em Natal por uma médica muiot boa, dra. Fátima Fernandes, que continuou com a dosagem prescrita pelo dr. Ximenes.

  8. joão luiz rodrigues da silva comenta:

    27 março, 2010 @ 7:54 AM

    Olá Dr. Antonio Carlos Ximenes, estive fazendo um tratamento de retirada de calculo renal em Goiania em Outubro de 2009, fiquei com um catetere, pelo um periodo de 30 dias, e após foi retirado, só que tive que ser submetido uma sirugia, o o qual ja estava em dificuldade da retirada, e logo que acabouu o efeito da anestesia começou de imediato aftas na boca, e até hoje e de um certo tempo pelo o mês de setembro a outubro de 2009, tive um momento rapido de uma paralização no braço esquerdo estava dirigindo voltou em seguida durante o dia, em outra data tive paralização na boca e braço esquerdo a noite esta em casa, voltou no dia squinte, outra data só na boca a noite tinha acabado de dirigir voltou no dia sequinte, e pelo o dia 08/03/2010 estive uma paralizia na perna esquerda saindo com o veiculo da garagem, na parte da manhã fiquei sem movimento total da perna, fui internado na UTI, PALMAS-TO, sai no dia seguinte normal, estive consultado com cardiologista, neurologista,e hematologista, realizei varios tipos de exames, como de sangue, deu normal, não sou hipertenso, não diabeto, não cotesterol, não tenho pressão alta sepre 12.8 ou 11.8, e neurologista passou para a medica Reomatologista, a qual me consultol, após os exames de sangue e vericou as aftas da boca, feridas na parte do anus, declarou que eu estou com a doença de BEHÇET, e o que o Dr ANTONIO CARLOS XIMENES pode me explicar, sou foncionario publico serventuario da Justiça do Estado do Tocantins-TO, tenho o PLANSAUDE COVENIO COM UNIMED, meu telefone 063 9975-9652 ou 8459-2769 paraiso do Tocantins-TO.

  9. Luzia comenta:

    26 agosto, 2010 @ 10:30 PM

    Ola Dr.Ximenes,sera que o senhor ainda se lembra da garota rebelde que saiu do orfanato{Santa Gertrudes},e foi morar com a sua familia ? Hoje ja nao sou mais uma menina ,mas continuo rebelde.{brincadeira}.Tenho saudade de todos .Me mandem noticias. meu telefone. 2436.5734/3518.6831.

  10. Katia Cerqueira comenta:

    6 fevereiro, 2011 @ 12:22 AM

    Perdi um irmão com esta doença! Oro por tds vcs, Quem quiser pode me contatar. bjss

  11. michelle farias comenta:

    20 março, 2011 @ 10:15 PM

    oi gostaria muito de fazer contato com a eliade pimentel pois meu ex marido sefre dessa doença a 3 anos , ele reside em natal e gostaria muito de saber onde posso achar essa medica vou deixar meu email por favor entre em contato michellefreitas.0809@hotmail.com obg

  12. Maria Teresa comenta:

    21 junho, 2011 @ 12:57 PM

    Gostaria de saber se tem algum exame para saber se a pessoa esta com a doença de behçet.g
    Estou a 6 meses com feridas na lingua e lábios, estou tomando meticorten 20 mg e imuran 50m.
    Sinto umas dores na lingua…uma ardencia…
    Gostaria de saber mais sobre a doença. Estou me tratando com um clinico geral…fui a vários médicos, e els falavam que eram uma bacteria…coisa do estomago…e só esse clinico que diagnosticou behçet.
    Será que estou com behçet msm?
    Moro no Rio de Janeiro.

  13. Moacir Rocha comenta:

    26 julho, 2011 @ 10:42 AM

    ola sou de sao paulo tenho 39 anos e tenho bc
    descobri esta doença a 1 anos pois tive inflamaçao nos olhos
    mas desde criança tinha aftas hoje me trato com dois medicamentos
    tomo 4 complimidos de prenidisona de 20 ml e 2 de azatioprina 50ml
    mas nao tenho visto melhoras em meu quadro passo em um oftalmo que
    ele mesmo disse nao ter muitas informaçoes desta doença
    por isso me encaminhou pro hospital das clinicas em sp
    mas quero saber se minha medicaçao esta certa .

  14. sandra comenta:

    6 março, 2012 @ 2:35 AM

    maria tereza;tem sim e um deles se xama teste de patergia.converse com seu medico.qalqer coisa entre em contato

  15. sandra comenta:

    6 março, 2012 @ 2:38 AM

    consulte o reumatologista.meu filho toma esse remedio e mais alguns.mas pega uma segunda opiniao pq cada caso é um caso.abraço

  16. jaqueline cambraia de aguiar comenta:

    9 abril, 2012 @ 4:01 PM

    olá gostaria de saber se essa doença de behçet sepega pela relação sexual pelo esperma , obrigada beijos

  17. fernanda Correa Borges comenta:

    14 setembro, 2012 @ 12:55 PM

    Olá! Meu pai tratou de uma artrite reumatóide com o Dr. Antônio Carlas Ximenes e nunca mais teve crises. Agora eu estou muito doente e não consigo localiza-lo, alguém poderia passar informaçõs atualizadas sobre onde encontra-lo, como marcar uma consulta? Obrigada

  18. Nadia Maria Puerari comenta:

    28 novembro, 2013 @ 8:00 PM

    Ola, fui diagnosticada de BC por exame clinico e conto com mais informações da parte de todos, pois os medico que consultei não souberam o tratamento a fazer. Espero que me ajudem com informações a respeito, pois sofro disso com muita gravidade por mais de 10 anos pra mais.
    Abraços a todos.

Deixe seu comentário aqui !