09 - dez.
  

Dor de cabeça – Cefaléia: Neuralgia do trigêmeo

Categoria(s): Caso clínico, Emergências, Fisioterapia, Neurologia geriátrica




Interpretação clínica

  • Homem de 63 anos, fumante, apresenta-se no consultório com história de dor na face, lado direito, de forte intensidade há 5 dias. Nega alcoolísmo, diabetes, hipertensão. Tem tomado calmantes nos últimos 2 anos, após estresse com a morte súbita da esposa, por infarto do miocárdio. A dor iniciou-se com o tempo frio, no final de semana, durante um passeio nas montanhas. A dor ora aparece de forma intensa, ora desaparece expontaneamente, após alguns minutos. O ato de tocar a região próxima da orelha, e escovar o dente usando água fria, desencadeia a dor na forma  de um choque elétrico, deixando todo lado direito da cabeça dolorido e em seguida “anestesiado”.

Qual o diagnóstico e como tratar?

As queixas de cefaléia e dores faciais são bastante constantes, principalmente em pacientes de idade avançada. Os sintomas e sinais estão relacionados aos acometimentos do distúrbio que as produzem, como afecções oculares (irites, glaucoma, astigmatismo), afecções otorrinolaringológicas (otites, sinusites, mastoidites), cefalalgia de origem osteocraniocervicais (doença de Paget, artroses cervicais), neuralgias (trigeminal, glossofaríngeas) e artrites (artrites temporal de células gigantes).

A International Headache Society (IHS) as dividiu consoante critérios diagnósticos, baseados inteiramente em atributos clínicos em cefaléia ou dor facial associada a distúrbio de crânio, pescoço, olhos, ouvidos, nariz, seios paranasais, dentes, boca ou outras estruturas da face ou crânio e neuralgias cranianas, dor de tronco nervoso e dor da deaferentação.

A descrição fornecida pelo paciente faz direcionar na dor facial para uma neuralgia do trigêmio.

A neuralgia do trigêmeo é uma neuralgia facial unilateral dolorosa que incide mais nas pessoas na sexta e sétima década da vida. É caracterizada por dor tipo intensa, breve (segundos), em facada ou agulhada. Os pacientes descrevem a dor como se fosse um choque elétrico. A dor pode ser provocada por estímulos táteis (pressão digital), geralmente na chamada zona-gatilho, que localiza-se em torno das narinas e da boca. Ato de escovar os dentes, mastigar, falar ou mesmo um golpe de vento frio na face, podem desencadear um crise dolorosa.

A dor da neuralgia do trigêmeo é recorrente e assintomática entre as crises que duram alguns segundos, geralmente se localiza nas divisões do nervo trigêmeo, preferencialmente na segunda e na terceira, e tendo a divisão mandibular como a principal região acometida.

Dada a grande malha de nervos na região facial (figura) a dor acaba por irradiar-se ou espalhar-se por outras áreas do rosto, colocando em dúvida o diagnóstico.

nervo trigêmeo

Diagnóstico – O diagnóstico da neuralgia do trigêmio é fundamentalmente clínico e deve ser diferenciado de outras causas de dor facial, como: carcinoma nasofaríngeo, arterite de células gigantes, linfoma intracraniano, sinusite etmoidal ou esfenoidal, esclerose múltipla, trauma, neuralgia pós-herpética, cáries dos ossos da mandibula ou maxilar.

Neuvralgina dentária, do glossofaríngeo (nono par craniano), do geniculado (sétimo para craniano) podem dar clínicas semelhantes.

Tratamento – O tratamento da neuralgia do trigêmeo é bem sucedido na maioria dos casos. Os medicamentos mais utilizados são: carbamazepina, baclofeno, fenitoína, ácido valpróico, gabapentina e clonazepam. O tratamento clínico pode falhar em 30% dos pacientes, por falta de eficácia ou por efeitos colaterais dos medicamentos. Havendo falha neste tipo de procedimento, deve-se recorrer a tratamentos cirúrgicos como: injeções gasserianas (no gânglio de Gasser – veja figura) ou retrogasserianas de álcool ou glicerol, gangliose por radiofreqüência e descompressão microvascular por craniotomias, principalmente, occipital.

Referência:

Headache Classification Committee of the International Headache Society. Proposed classification and diagnostic criteria for headache disorders, cranial neuralgias and facial pain. Cephalalgia 1988; 8:10-73.

Rabello GD. Cefaléia no idoso. RBM – Rev Bras Med 1998; 55:660-680.

Gloth FM. Pain management in older adults: prevention and treatment. J Am Geriatrics Society 2001; 49 (2): 188-199.

Montagnini M; Dor no doente idoso. In: Teixeira MJ, Figueiró JAB (editores). Dor: Epidemiologia, Fisiopatologia, Avaliação, Síndromes dolorosas e tratamento. Grupo Editorial Moreira Jr., São Paulo, 2001; 32: 397-399.

Kondziolka D, Perez B, Flickinger JC, Habeck M, Lunsford LD – Gamma knife radiosurgery for trigeminal neuralgia: results and expectations. Arch Neurol, 1998; 55:1524-1529.

Tags: , , , ,




Comentário integrado ao Facebook:


657 Comments »

  1. Alessandro comenta:

    9 fevereiro, 2012 @ 3:29 PM

    Ola pessoal

    Bom, sofri com esse problema por 7 anos, ate que a um mes atras, a dor chegou no limit, nao consegui trabalhar mais e nem me alimentar…..bom, decidi fazer a cirurgia, pra minha felicidade, quando acordei depois da cirurgia, nao tinha mais dor, caso alguem se interesse, o medico é especialista nesse problema, vou deixar aqui o tudo caso alguem queira entrar em contato com ele

    Dr. Antonio Ronaldo Spotti
    Centro do Cérebro e Coluna
    Tel (17) 3216 9999
    Rua José Munia, 4850
    São José do Rio Preto

    Desejo desde ja, boa sorte pra todos que sofrem desse problema
    abraço

  2. Fabio Vargas comenta:

    21 fevereiro, 2012 @ 6:51 PM

    Minha mãe tem esse problema a cerca de 40 anos, é uma dor infernal, ela faz tratamento com carbamazepina, hoje ela toma 4 comprimidos de 400mg por dia, mas mesmo assim sente dores. Se alguém souber algum tratamento por favor me indique. Já vi uma reportagem que os médicos através de uma agulha colocam uma ” borrachinha” próxima ao nervo.Alguem já ouvir falar sobre isso.
    Abraços

  3. Adriana Marques da costa comenta:

    22 fevereiro, 2012 @ 9:51 PM

    Olá Fábio, nossa sua mãe tem essa dor há muito tempo hem !!!! noosa deve sofrer muito, eu tenho esa doença há 18 aos e já acho demais, mas cheguei no limite tomo carbamazepina tomo 2 a cada 6 hras e mesmo assim quando a crise está terrivel mesmo com medicação sinto dor. então meu neuro indicou uma ciruriapra colocar um balão ele disse q é uma tentativa pode ou não dar certo, mas vou tentar, faço tudo pra me livrar dessa dor. tem também um medicamento chamado lyrica algmas pessoas dizem q é bom, mas o meu neuro decidiu pala cirurgia. vamos ver. desejo de coração q sua mãe melhore. espero q Deus a ajude porque muitas vezes só encontro conforto em Deus pra suportar essa dor.

  4. ZILMÁ comenta:

    22 fevereiro, 2012 @ 10:42 PM

    ATENÇÃO PESSOAL, MORO EM NATAL E TIVE ESSA TERRÍVEL NEVRALGIA DO TRIGÊMEO, DEPOIS DE ALGUM TEMPO, FUI A UM NEUROLOGISTA QUE ME FEZ A CIRURGIA. ESTA DURA APENAS UMA MEIA HORA E O ALIVIO É IMEDIATO. PASSEI 5 ANOS SEM A DOR, VOLTOU E FIZ NOVAMENTE A CIRURGIA, NO FINAL DO ANO PASSADO. AGORA ESTOU ÓTIMA, ESPERO QUE NÃO RETORNE MAIS. FICA APENAS UM POUCO DE DORMÊNCIA NO LADO AFETADO, QUE, ALIÁS, NADA SIGNIFICA DIANTE DA DOR QUE SENTIMOS ANTES. TENHO COMPLETA CONFIANÇA NO MEU MÉDICO QUE JÁ ME SOCORREU POR 2 VEZES E ESSE FOI UM TEMA DE UMA TESE QUE ELE DEFENDEU, A QUEM INTERESSAR, POSSO INDICAR O SEU TELEFONE, boa sorte para todos. zilmá. MEU ENDEREÇO:
    z-s-l1@hotmail.com

  5. ZILMÁ comenta:

    22 fevereiro, 2012 @ 10:50 PM

    Oi Alessandro, vejo que somos 2 felizardos pela cirurgia e seu sucesso, como comentei atrás, espero que nossos/as amigos/as também consigam fazê-la e tenham bom resultado, afinal, ninguém merece aturar essa dor por muito tempo. Moro em Natal e já informei meu endereço: z-s-l1@hotmail.com
    Acho que será útil para pessoas que moram aqui ou próximo, pois o meu médico também é daqui da capital. Um abraço e meu desejo que todos encontrem logo alívio para esse problema. Zilmá

  6. ZILMÁ comenta:

    22 fevereiro, 2012 @ 10:57 PM

    olá Alessandro, tbem fui feliz nas 2 cirurgias que fiz (depois de 5 anos, voltou a nevralgia). Moro em Natal e meu neurologista me proporcionou uma nova vida; agora estou ótima. Já indiquei meu endereço e quem se interessar, pode fazer contato: z-s-l1@hotmail.com. Boa sorte para todos. Zilmá

  7. Vinicius Monção comenta:

    24 fevereiro, 2012 @ 8:41 AM

    Saudações,
    o caso não está a ocorrer comigo mas sim com minha mãe. Ela tem 52 anos e a 4 anos sobre com uma dor na região da língua terrível. Num período de crises longas ela chegou a perder 7 kg, por não conseguir se alimentar e até mesmo ingerir líquido. Como não dispomos de plano de saúde, temos que recorrer ao sistema público de saúde, o que demonstra incompetência no trato com o paciente, seja pela ausência de vagas, de médicos e competência dos mesmos para a diagnosticação da causa da dor.
    A pouco tempo (6 meses) foi levantada a hipótese da dor ser causa o trigemeo. O médico receitou a carbamazepina, porém esta se mostrou ineficiente. Nessa semana, a dor passou a tomar conta da face direita e não sabemos a quem mais recorrer!
    As crises são torturantes para ela e para a família que não sabe como e o que mais fazer! Já fomos a muitos médicos especialistas, já gastamos rios de dinheiro e tempo e até agora nada… Já fomos a igrejas, centros espíritas. Já tentamos todo o tipo de medicina oriental, tudo por conta do desespero.
    Se alguém puder informar uma ação considerável, serei agradecido.
    abraços

  8. Alessandro comenta:

    24 fevereiro, 2012 @ 7:39 PM

    Ola Vinicius

    Eu passei por cirurgia e hoje nao tenho mais dor, mas antes se encontrava assim, na ultima crise perdi mais de 10 kg, por conta de nao conseguir mexer nem a lingua, eu fazia uso da carbamazepina tb, mas chegou um ponto que nao fez mais efeito pra mim…graças a Deus encontrei um medico que fez uma cirurgia e acabou com essa terrivel dor……bom Vinicius, se quiser, pode entrar em contato comigo…

    estefan_alesssandro@hotmail.com

    abraço
    boa sorte

  9. EDIVAN comenta:

    25 fevereiro, 2012 @ 1:50 AM

    Para nevralgia do trigêmio, alguem já usou o lyrica? o que achou?

  10. ZILMÁ comenta:

    25 fevereiro, 2012 @ 11:29 AM

    Edivan, infelizmente nenhum remedio me deu resultado, somente a cirurgia me salvou. Boa sorte. Zilmá

  11. Alessandro comenta:

    25 fevereiro, 2012 @ 12:46 PM

    ola Edivan

    O lyrica, alem de ser bem mais caro, nao surtiu efeito pra mim, o unico de amenizava um pouco era a carbamazepina, mas por fim tive que passar pela cirurgia mesmo, é a melhor forma, abraço

    estefan_alessandro@hotmail.com

  12. edivan comenta:

    26 fevereiro, 2012 @ 12:48 AM

    Que bom que vc conseguiu!
    Eu já sofro a 6 anos, fiz 3 cirurgias, duas para retirar um cisto do cerebelo e uma para tentar parar a dor, mas até agora ainda tenho que conviver com esse sofrimento. Alias foi o cisto que provocou a lesão no trigêmio. a última nova é que o cisto voltou, estou acompanhando com ressonancias, porém parece que parou de crescer, mas muito provavelmente terei que fazer nova cirurgia para tentar tirá-lo todo.
    Hoje estou sendo acompanhado por um médico especialista em dor, Dr Mauro Araujo e troque de neurologista Tomo muita medicação diária, atualmente estou tomando Carbamazepina e gabapentina pela manhã, tarde e noite, e Amitriptilina toda noite. Porém, ainda cinto muitas dores.
    Queria alguma sugestão de tratamento ou médico que possa me ajudar, pois as dores estão ficando insuportáveis.
    Att,
    Edivan

  13. juliana comenta:

    27 fevereiro, 2012 @ 8:51 AM

    Edivan
    eu tbm tenho nevraugia a 6 anos, tomo o mesmo q vc mas tbm tomo venlafaxina 150mg pela manha pra manterme calma
    para q n ative o ponto de gatilho , essa doença é mt idiota passei um ano sem ter dores agora esse ano ja estou passando pela quarta crise, de onde vc é? eu me ptato em Passo fundo e Porto Alegre RS

  14. Luiz Carlos comenta:

    6 março, 2012 @ 2:45 PM

    Eu aconselho a todos, a todos mesmos, pois também CONHECI esta DOR. Descubram o “gatilho” da dor. E somente assim vc pode aniquilar ou retardar em muito este sofrimento. Digo com certeza descobrir o “gatilho” da dor é fundamental. Pode ser emocional (nas maioria da vezes) ou físico(anomalia orto-dentária, facial e etc..). A coisa é extremamente direta: ou vc faz a cirurgia que aniquila o nervo e deixa flácido e sem sentido o lado afetado( pode ser a melhor opção, dependendo da idade) ou corre atrás para descobrir o “gatilho” e que na maioria das vezes é emocional (aconselho tranquilizantes receitados por médicos).Não tem por onde fugir. Boa sorte. acretide no meu conselho. Saúde a todos .
    Obs: Vc não conhece casos em que a pessoa está com seu estado emocional abalado e logo aparece herpes labial? só que no nosso caso é esta dor. Outra sugestão p/ a dor parar, é vc forçar vômito (existe fórmulas que fazem vc vomitar).
    Boa sorte

  15. Tânia Matavelli comenta:

    20 março, 2012 @ 10:19 PM

    Bem pessoal!!! E tive esta dor Neuralgia do trigemeo a +ou _ 8 anos e agora ela voltou com tudo a 3 meses e não respondem a nenhum medicamento. Fiz uma cirurgia epiritual onde tive 60% de melhrora mas pra completar ontem fiz a cirurgia do balão pra descomprimir o nevo da artéria. E o que eu tenho pr dizer é que estou aqui ainda com as mesma dores mais a da cirururgia e ainda peguei uma bela gripe no centro cirurgico, a cada vez que espirro eu choro de dor. peço que me envie ago que possa me ajudar. Infelizmente eu não posso ajudar e sim peço ajuda porque esta dor ninguem merece.Obrigado.

  16. Helena comenta:

    21 março, 2012 @ 9:23 AM

    Para Tânia, Quando eu fiz a cirurgia do balão fiquei com a boca cheia de aftas e também gripada, o pós operatório é dolorido mesmo! Tenha fé em Deus, paciência e acredite que tudo vai melhorar!

  17. Moacyr comenta:

    21 março, 2012 @ 6:30 PM

    A todos, em especial a tania matavelli,
    sofro da nevralgia do trigemio do lado direito da face em especial nos olhos, é trrrivel a dor, fiquei sabendo de um médico, especialista do cnetr médico campinas Dr. Antonio Augusto Roth Vargas, consultei com ele dia 29/02/12, e passou muita segurança para realizar a cirurgia, o meu caso é classico de neuralgia, e só cirurgia resolve, então aconselho vc, a procura-lo, estou me preprarando para realizar a cirurgia, estou a base de tegretol CR 200, mas ameniza e não passa a dor.

  18. Tânia Matavelli comenta:

    21 março, 2012 @ 9:44 PM

    Helena

    Eu acho que esta doença por mais que eu corra atraz, não tem cura. Imagino coisas orriveis, e todos estes medicamentos me deixam alucinadas, e engordam cada vez mais acho que vou ter que aprender a conviver com ela. alguem sabe me dizer se quando a cirurgia não da certo, é porque não foi bem feita? Ou é falta de sorte mesmo!

  19. Tânia Matavelli comenta:

    22 março, 2012 @ 12:49 PM

    Dr. a neuralgia do trigemeo se não tomar mais medicamentos Mata? pois não suporto mais os medicamento e dores.

  20. REjane comenta:

    22 março, 2012 @ 1:11 PM

    Gente, procurem o Dr. Paulo Niemeyer na Clínica são vicente na Gávea. ele é especialista e faz um procedimento com balão no nervo trigêmeo que é muito bom.

  21. Jane Hassegawa comenta:

    22 março, 2012 @ 2:41 PM

    Há dois anos atras comecei a sentir sensibilidade do lado direito do rosto, na dentição e a dor erradiava na cabeça, com choques elétricos no rosto, tive muito problema para escovar dentes, e as vezes até falar, procurei vários dentistas de todas as especialidades, cheguei a extrair vários dentes, tomava 01 cartela de analgésico por semana, realizei cirurgia dentárias, fiz RX da face, e nada foi encontrado, até que o último especialista, me encaminhou para o tratamento de acupuntura, realizei 15 sessões, que por dificuldade do horário de trabalho foi uma por semana, e na penúltima semana não senti mais nenhuma dor, estou há 04 meses assim, e muito feliz, não cheguei a ir ao Neurologista, mas se a dor retornar voltarei ao tratamento com agulhas. Espero que alguem interessado experimente que tenho certeza ficará bem.

  22. Dayane Sousa comenta:

    31 março, 2012 @ 11:31 PM

    Bom Noite ….
    Há 17 anos minha mãe sofre desses sintomas, ela ja foi em vários médicos tomou diversos medicamentos e já realizou vários exames, alguns medicos diz que é problema no nervo trigêmeo pelo sintomas tbm acho que seja , mais de nada adianta todos os procedimentos que ela ja realizou; é de corta o coração as crises dela. Gostaria de saber se alguém ja conseguiu um tratamento eficaz e qual médico e clínica foi…

    Obrigada !

  23. Vinicius Monção comenta:

    31 março, 2012 @ 11:47 PM

    Alguém conhece algum hospital público, no Rio, que possa tratar desse mal?

  24. Tânia Matavelli comenta:

    2 abril, 2012 @ 11:14 AM

    Para Dayane Sousa!!! Eu não sei se é crise. Tbm não sei sua releigião. Mas eu acredito que o que me esta fazendo melhorar cada dia mais, foi uma cirurgia espiritual que fiz a 45 dias. O tempo dado pelo médium foi de 90 dias pra eliminar toda a dores estou com apenas 10% da dor sem nenhum medicamento, estou cada dia melhor eu apelei a tudo,mas a melhora esta vindo do espiritual mesmo. Fiquei sofrendo muito tempo sem falar nem rir.Comer escovar os dentes lavar o rosto era pra acabar mesmo de tanta dor. Eu recomendo a todos essa experiencia. Boas Melhoras.

  25. Dayane Sousa comenta:

    2 abril, 2012 @ 12:15 PM

    Olá Tânia …. você pode me passar o seu e-mail …pra vc me passar mais informações sobre o que vc me descreveu ?

    Obrigada !

  26. isaque comenta:

    3 abril, 2012 @ 8:50 PM

    boa noite

    minha mãe sofre de dores agudas devido herpes zoster que teve a 1 ano e meio; precisa de ajuda, pois doi muito. Pelo amor de Deus me ajude que devo fazer para tirar essa dor dela. Ela toma Lyrica e tramadom todo dia. me ajudem, a familia sofre muito…

  27. Edivan comenta:

    3 abril, 2012 @ 9:26 PM

    Hoje em um dos horários, por engano tomei 2 comprimidos de 400Mg de Carbamazepina em vez de 1 comprimido, ingerindo de uma vez 400 mg. Passei muito mal, tive que parar o carro, pois não consegui dirigir com muita tontura e mal estar geral, fiquei cerca de 3 horas sentado, para que a tontura dimiuisse, ainda estou mal, mas estou em casa. Foi algo agonizante não tinha força nem para levantar. Algum de vocês ja passou por algo igual? o que ajuda a melhorar a sensação ruim?

  28. Edivan comenta:

    3 abril, 2012 @ 9:29 PM

    Correção ingerir de um vez 800 mg

  29. Moacyr comenta:

    3 abril, 2012 @ 9:35 PM

    Boa Noite tenho constantemente lido os relatos nesta coluna, assim como todos, também sofro de Neuralgia do Trigemio, as dores são insuportaveis, hoje tomo dois comprimidos de tegretol CR 200 por dia, pra amenizar, alguns meses fui submetido a uma RM a pedido do neurologista, e foi constatado um alçamento vascular sobre o nervo trigemio, assim iniciei minha peregrinação por varios profissionais da area neurologica, que apresentaram inumeros tratamentos paliativos, porém no final a resposta era sempre a mesma cirurgia.
    Assim, acabei indo a um especialista no Centro Medico de Campinas – SP – Dr. Antonio Augusto Routh Vargas, quando observou minha RM constatou ser um problema classico de nevralgia, e no meu caso somente a cirurgia podera resolver, ele foi muito cincero em suas palavras, explicou e me deixou a vontade pra fazer outras procuras, mas, resolvi optar pela cirurgia.
    Sei o quanto é doloroso, portanto ja nos preparativos para cirurgia, aconselho a todos que passem por consulta com Dr. Vargas, é uma saída, acredito ser a mais razoavel…..

  30. Moacyr comenta:

    3 abril, 2012 @ 9:46 PM

    Isaque, boa noite, sua mãe precisa passar pro avaliação de um especialista, se vc for de SP sugiro que va até o centro medico de campinas, existem excelentes especialistas la, e podem te ajudar.
    abs.

  31. hilton comenta:

    3 abril, 2012 @ 10:08 PM

    Caro Isaque procure um bom médico homeopata, existe dois medicamentos fantásticos para dores da herpes zoster ARNICA MONTANA 30ch E HYPERICUM PERFORATUM 5ch(hora em hora).
    Sugestão tenho certeza que para cada tipo de dor em se realizando uma boa anamnese os médicos homeopatas pode auxiliar em muito, pois a medicina alopáticas como vocês podem ver na maioria dos comentários mal conseguem resolver já em doses absudas para o nosso organismo.

    Experiência própria.

  32. Lucimare Lopes Donato comenta:

    5 abril, 2012 @ 12:52 PM

    Já fiz cirurgia de ATM e de sindrome de Eagle mas a minha dor continua peço se alguém conhecer algum especialista me indique moro e SBC.
    Acredito que sofro de nevralgia do trigemio uma dor insuportável.

  33. Moacyr comenta:

    5 abril, 2012 @ 8:15 PM

    Lucimare, primeiramente aconselho vc a procurar um Neuro, tb leia alguns artigos sobre Neuralgia do trigemio, realmente a dor é insurportavel, caso ele constate isso mesmo, aconsenho vc passar pelo centro médico em campinas, la existe um especialista nisso DR. Antonio Augusto Rout Vargas, com certeza vc estara em boas mãos, pois, consultei com ele, mas meu caso é somente cirurgico, estarei em breve realizando a cirurgia.
    Abs.

  34. Fabiana Carvalho comenta:

    28 abril, 2012 @ 10:39 PM

    Olá pessoal. Fui diagnosticada com neuralgia e nada me fazia ter se quer um alívio da dor que realmente acredito ser a maior dor que o ser humano pode suportar.Cheguei ao extremo de tomar morfina sem prescrição médica, uma amiga com câncer dividia a morfina dela comigo.No auge da degradação eu cheguei a pesar 33 quilos aos 28 anos de idade eu me tornei um esqueleto em vida pois mastigar ou até beber água era pior que a morte pois a morte é alívio.Resumindo: Me submeti a craniotomia occipital para tratar a neuralgia.Já está com 10 meses que me operei,numa escala de1 a 10 a dor dinuiu 8.Só que a dor que ficou me incomoda muito.Entao doutor eu queria saber se é normal eu ainda ter dores e dormencia o lado esquerdo onde foi feita a craniotomia.Aguardo resposta.

  35. Fabiana Carvalho comenta:

    29 abril, 2012 @ 8:37 AM

    Bom dia.Estou de volta para acrescentar mais algumas informaçoes. Doutor alem da neuralgia tenho desde os 16 anos dores em todas as parte do corpo.Ja fiz todos os exames relmatológicoa possíveis que tiveram como resultado normal.As dores são tipo queimação. choque e mina força muscular foi reduzida drasticamente hoje aos 28 anos eu não consigo abrir latas de refrigerante,garrafa de água mineral. Tenho sour excessivo. Parecem sintomas de esclerose múltipla mas meu neurologista não me fala nada a repeito apenas me receitou limbotrol.Dá-me uma opinião e que exame eu poderia descobrir causa de eu estar definhando.

  36. Fabiana Carvalho comenta:

    29 abril, 2012 @ 9:03 AM

    OláTania.Eu também fui a um espírita me subeti a tratamento,mas também não fez efeito.Assim como Suzana eu não sorria,não tomava água gelada,sorvete nem pensar.ar condicionado a tocar mina fc esquerda era o mesm que encostar um fio desemcapado e a dor com o terrível choque me abatia.Carabazepina foi o mesmo que tomar comprimido de farinha.Tomei morfina ha um bom tempo e entrei em abstinência e num pré coma depois craniotomia occipital para separar o famigerado trigemio duma artéria um encostava no outro e vinha a crise.O ponto de gatilho era o ramo que ficava na bochecha.Sorrir,falar,mastigar qualquer movimento era a certeza da crise.pessoal vivi uma odisséia.Teve uma crise em que passei 11 dias sem me alimentar,meus cintos estavam todos furados emagreci pesando 33kg eu era a neuralgia em pessoa.Creme dental,alimentos frios ou azedos também ativavam o gatilho a dor começava na bochecha,subia em fração de segundos para o olho esquerdo dilatando a pupila eu via algo tipo um flash de máquina fotográfica,pensavam que eu tava enlouquecendo porque eu perguntava as pessoas o que havia ocorrido pois eu havia visto um clarão aí a dor ia para o queixo e se instalava pela face esquerda: Olho.bochecha e queixo.Sou professora e cheguei a expulsar alunos da sala crendo que estavam tiram tieando fotos para atrapalhar a aula.Essa doença é a morte em vida.Fiz a cirurgia há 10 meses em Teresina,foi 8 mil reais nao encontrei nada pelo SUS. Ainda tenho uns vestígios da famigerada nelgalgia mas melhorei 80% .

  37. Lucioa cunha comenta:

    29 abril, 2012 @ 10:32 PM

    Senhores, estou buscando ajuda para meu esposo. Ele sofre da neuralgia do trigemêo já há alguns anos porém de 2011 para cá a dor tem tornado-se intenssa e nos últimos seis (6) meses tem sido costante mesmo fazendo uso de carbamazepina, mais nimesulida e outros medicamentos para combater a dor que apenas diminue mas não cessa.
    vocês podem nos ajudar?Precisamos saber onde no Rio de Janeiro ele poderá encontrar um hospital ou médico especialista mas que seja gratuito
    O nome do meu marido È Rubens fará 53 anos em 05/06/2012
    .
    Desde já agradeço a atenção dispensada.

  38. Fabiana Carvalho comenta:

    1 maio, 2012 @ 8:12 AM

    PESSOAL ALGUÉM AÍ FEZ CRANIOTOMIA OCCIPITAL PARA TRATAR NEURALGIA DO TRIG~EMIO AINDA SINTO UNS RESQUÍCIOS DE DOR E QUERO SABER SE É NORMAL. ME RESPONDAM ESTOU PREOCUPADA.

  39. Kelly comenta:

    1 maio, 2012 @ 8:23 PM

    Olá Doutor estou sofrendo a quase um mês com uma dor que começa como um choque dentro de alguns de meus dentes e dói muito a mandibula, maça do rosto e tem horas que parece afetar até o nariz e a cabeça. É uma dor muito intensa que fica por uns segundos e alivia, depois começa tudo novamente, sinto como se minha face toda ficasse dolorida. Tomo profenid e paracetamol 500mg mais já não esta aliviando a dor. E só tenho neurologista marcado pro final de maio. Será que isso pode ser neuvralgia do trigêmeo?

  40. Kelly comenta:

    1 maio, 2012 @ 8:26 PM

    ah esqueci de mencionar que fui em 2 clínicos um me disse que era mialgia o outro disse que era neuvralgia do trigêmeo e fui em um otorrino que me disse que se tratava de ATM e também fui ao dentista que disse que nos dentes não havia nada. por favor me ajude

  41. Andre C Gurgel comenta:

    5 maio, 2012 @ 6:59 PM

    Sobre a dor aguda, que para mim vem tipicamente quando mastigo alface, descobri que uma forma eficiente de extingui-la é insistir ma agulhada, transformando-a em dor continua, por alguns segundos. Daí ela para. O que acontece é que você esvazia de uma vez os neurotransmissores da dor, levando algum tempo para que eles se recomponham.

    Para quem lê inglês, recomendo insistentemente este livro: Striking Back. É escrito para leigos por médicos especialistas. Tem [quase] tudo que o doente precisa saber para se informar melhor. Compre pela Amazon aqui: http://goo.gl/lvmQI

  42. Drika de Jesus² comenta:

    8 maio, 2012 @ 11:10 AM

    André, eu tenho a dor aguda bem embaixo da orelha esquerda, quando como algo. Ainda não consegui identificar “o que” causa isso, porque é esporádico: às vezes, maçã, pera. Certa vez comentei com meu dentista e ele disse que é um ácido que a boca solta “à mais” (sic)…

    Já cheguei a ficar assim por uns 5 dias seguidos, com crises 3 a 4X por dia. E, quando não dava as crises, a região ficava bem dolorida.

    Agora há pouco foi com iogurte. Daí era só fazer movimento de abrir a boca que doía muito. Porém, tb fiz o mesmo que vc: peguei um pedaço de bolo e insisti em mastigá-lo. Deu uma dor BEM forte e desapareceu.

    Continuei comendo como se nada tivesse acontecido. Se eu apertar, sinto a região dolorida, mas nada forte. Sumiu!

  43. iracema r. p. telbis comenta:

    8 maio, 2012 @ 11:18 AM

    sou prof. durante cinco anos sofri com esta dor e nao sabia o que era, até tratamento dentario eu fiz , agora estou remanejada do meu cargo, mas ainda sofro muito. por favor me informe também dos últimos tratamentos e como seria a cirurgia.

  44. Ciro Campos comenta:

    10 maio, 2012 @ 10:45 PM

    Amigas e Amigos:

    Antes de dormir venho tomando LYRICA 75 mg, é o que vem resolvendo até que satisfatoriament e minorando as dores.
    Qualquer coisa me liguem, posso explicar melhor.

    42-9919-0101 (claro)
    42-9958-2404 (tim)

    Ciro

  45. Maria comenta:

    12 maio, 2012 @ 10:41 PM

    Olá pessoal. Ñ vou fzr relato, pq ñ é isso q quem procura esta pg quer ler, mas sim uma solução p o seu caso. Estou seguindo o seguinte raciocínio: se a causa for compressão do nervo, o jeito é descomprimir cirurgicamente, mas se for a desmielinização do nervo, pelo q ando pesquisando, a única solução é tomar vitamina B12, q é responsável pela formação da malha de mielina q cobre o nervo. Alguém relatou isto em 2008 aqui, vejam. Espero bem, q a causa do meu problema seja esta (e da maioria de vcs). Detalhe: foi prescrição médica, pq sou vegetariana e meu organismo apresentou baixas taxas de B12 no hemograma. Bom pessoal, vamos esvaziar os estoques de cianocobalamina das farmácias, q agradecerão. Ah, vejam o filme O Óleo de Lorenzo.

  46. carlos pereira comenta:

    14 maio, 2012 @ 3:15 PM

    ola doutor…. sofri um avc esquemico em 2007 com 47 anos, hoje quase recuperado sinto dores na face esquerda… o medico que está me tratando falou que é inflamação do trigemeo e passou carbamazepina de 200 mg ao dia durante 60 dias e dobrou para 400 mg apos o fim dos 60 comprimidos, as dores aliviaram mas não passaram é normal essa demora ?

  47. Rogerio comenta:

    21 maio, 2012 @ 2:49 PM

    Bem tenho dores nos dentes parte de cima de baixo ,tonturas e estou fazendo exames ,ressonancia deve ficar pronto breve e se confirmar a neuvragia volto para postar ,mas ja adianto que meu dentista de ATM me disse sobre a possibilidade de uso do Botox que esta tendo sucesso nesses casos ;fica a criterio do Dr do site tambem a comentar sobre!

    abço

  48. Tania Matavelli comenta:

    22 maio, 2012 @ 6:14 AM

    Fabiana Carvalho!!! Eu fiz a cirurgia do balão e continuei um tempo com as dores. depois elas sumirão por apenas 3 meses agora a 5 dias estou sentindo novamente as dores começou com tipo enformigamento e agora aumentando cada dia mais sei que vai começar tudo de novo. Agora estou no estudo Kardecista. e assim vou buscando ajuda. Uma coisa eu falo esqueça remédios. Até agora não encontrei remédio. Só Deus nos alivia desta dor.

  49. Tania Matavelli comenta:

    22 maio, 2012 @ 6:30 AM

    Dayane Sousa . Meu email: taniamatavelli@hotmail.com

    Pessoal de uma coisa eu falo só Deus. pra nos livrar desta doença, até agora nada -se resolve com remédios e a cirurgia é bem delicada pra ficar fazendo sempre, eu não faz 3 meses e ca estou de novo. já vi casos de pessoas que fizeram a quela cirurgia atraz da cabeça que demora umas 8 horas de alto risco. que durou apenas um ano. infelizmente pessoal é o que sei. Boa Sorte a todos.

  50. Tânia Matavelli comenta:

    29 maio, 2012 @ 11:49 AM

    Absurdo ou não vale apena tentar.
    Pessoal se mascarem chiclete, as primeiras dores são forte, depois passa. Tem que sempre estar mascando algo. resolve tbm. abçs.

Deixe seu comentário aqui !