10 - jul
  

Edema agudo de pulmão

Categoria(s): Cardiogeriatria, Dicionário, Emergências, Pneumologia geriátrica




Conceitos

Abstrat:
Pulmonary edema is a condition caused by excess fluid in the lungs. This fluid collects in the numerous air sacs in the lungs, making it difficult to breathe. Pulmonary edema that develops suddenly (acute) is a medical emergency requiring immediate care. Although pulmonary edema can sometimes prove fatal, the outlook improves when you receive prompt treatment for pulmonary edema along with treatment for the underlying problem. Treatment for pulmonary edema varies depending on the cause most always treated in the emergency room or hospital intensive care unit (ICU). The use of oxygen, given through a face mask or tiny plastic tubes placed in the nose and diuretics are the initial treatments .

O edema pulmonar é um quadro hemodinâmico grave que pode ser causado por diversas patologias cardíacas ou não, porém, sua fisiopatologia e semelhante, e sua sintomatologia básica é a falta de ar intensa (dispnéia), a tosse seca e eliminação de líquido roseo de boca e nariz. O paciente sente como se estivesse afogando, ficando sentado e respirando rápidamente. É um quadro emergencial que pode causar o óbito se não for feito um tratamento rápido e enérgico no sentido de reverter o quadro hemodinâmico.

Os principais mecanismos que levam ao edema pulmonar são: a) elevação da pressão hidrostática intravascular e b) aumento da permeabilidade capilar.

 

edema

 

A figura histológica do pulmão mostra os espaços alveolares preenchidos pelo plasma que extravasa dos capilares para o seu interior, impedindo a troca de oxigênio. Esta quadro se instala subitamente.

Fisiopatogênese

Segundo a equação dos movimentos dos fluidos de Frank Starling, normalmente, a diferença entre as pressões hidrostáticas do intravascular e do interstício é maior que a diferença entre as pressões oncóticas dos mesmos, existindo um fluxo preferencial de fluidos para o interstício. Este fluxo é mantido sem acúmulo por vários fatores, sendo os mais importantes a drenagem do sistema linfático e a integridade da barreira endotelial.

Quando ocorre nos pacientes com insuficiência cardíaca crônica, onde a barreira endotelial encontra-se integra, um aumento súbito da pressão hidrostática intravascular, por desequilíbrio hemodinâmico (Infarto agudo do miocárdio, hipertensão arterial grave, estenose mitral), leva a um estravasamento de plasma dos capilares alveolares para a luz do saco alveolar (setas da figura), resultando no edema agudo de pulmão.

Dois outros mecanismos que podem potencializar o quadro congestivo são a drenagem linfática insuficiente ou a pressão oncótica do plasma baixa (anemia ou hipoproteinemia).

Tratamento

O tratamento consiste na reversão do quadro hemodinâmico, melhorando a bomba cardíaca (geralmente com o uso de cardiotônicos injetável), diminuíndo a sobrecarga hídrica com diuréticos (furasemida) endovenosos, ou o retorno venoso ao coração deficiente (sangria branca = uso de torniquetes nas pernas e um dos braços, com compressão suficiente para seqüestrar o sangue nas veias, deixando o pulso arterial nos locais) e a máscara de oxigênio. Em casos extremos pode-se indicar a chamada “sangria vermelha” que é retirada rápida de sangue do paciente através de uma secção de uma artéria radial.

Referências:

Miguel Jr. A. Roteiro em cardiologia – Fundo Editorial Byk, São Paulo, 1997.

Fein A, Grossman RF, Jones JG et al – The volume of edema fluid protein measurement in patient with pulmonary edema. Am J Med,1979;67:32-8.

Tags: ,




Comentário integrado ao Facebook:


56 Comentários »

  1. Idiane Cristiane Schlindwein Baungrat comenta:

    22 abril, 2008 @ 4:31 PM

    Minha mãe morreu vitima de edema agudo de pulmão, causada por uma anestesia raquidiana. Isso é possivel? e como acontece nesses casos?

  2. FERNANDA comenta:

    22 abril, 2008 @ 8:13 PM

    Ola me chamo fernanda ,estava no setimo mes de gestaçaô e entrei em trabalho de parto ,so que derepente comecei a sentir uma falta de sr enorme ñ conseguia nem ficar deitada,foi preciso fazer uma cesariana de urgencia infelismente meu filho nasceu morto,e me lembro ter acordado 12 dias depois na u.t.i pois fiquei entubada.necessitei fazer 25 sessoes de fisioterapia do pulmaô .procurando uma pneumologista ela me explicou oque aconteceu comigo foi que tive:
    *broncopneumonia pos operatorio
    *sara
    *choque septico
    *edema agudo do pulmaô
    *embolia por liquido amniotico pos obito fetal …
    Por favor tire minhas duvidas pq meu filho ñ sobreviveu….
    Obrigado

  3. Ivani Fortunato comenta:

    9 maio, 2008 @ 3:45 PM

    Boa Tarde, meu nome é Ivani, gostaria de entender melhor o q houve com o meu tio que faleceu
    ontem inclusive.
    Foi o seguinte, teve cancer de laringe e tinha feito a cirurgia a cerca de dois meses, estava usando a cânula no orifício da traquestomia, quando foi retirada a cânula, saiu da consulta e cerca de uma hora e meia mais ou menos, começou passar muito mal, com muita falta de ar e muito sofrimento buscando o ar, chamaram atendimento, o colocaram no oxigênio, enfim prestaram socorro dentro da ambulância mesmo, removeram rapidamente ao hospital, mas infelizmente chegou morto.
    Na autopsia, a causa da morte dele foi Edema Pulmonar Agudo e Neoplasia Cervical.
    Por gentileza, poderia me explicar exatamente o q é , e porque aconteceu, se estava caminhando para uma recuperação?

    Agradecida
    iVANI

  4. Paula Izabella comenta:

    6 junho, 2008 @ 11:08 AM

    bom dia. sou estudante do curso de enfermagem (3ºano) e tenho um caso clinico para resolver cujo qual está me deixando confusa, a materia que pede a resolução do caso é exames laboratorias, onde conta o caso de uma senhora de 62 anos que referia dor do tipo pleural e dispneica, quando caiu de uma escada e além de várias escoriações pelo corpo teve uma lesão nas regiões lombar e bacia , apresenta inapetência , dificuldade para expansibilidade torácica. Levaremos em conta que a mesma é depressiva a cinco anos (submete-se a tratamento), sinais vitais estáveis, e nos dado para parte da avaliação do quadro uma tabela de resultados laboratorias onde algumas substâncias e enzimas mostram-se alteradas (plaquetas, bastões, linfócitos , monocitos, t4, tsh)
    suspeitamos de derrame agudo de pulmao devido a dor e talvez pela queda houvesse ocasionado um trauma, que por sua vez ocasionou o derrame pelos intersticios, logo o caso apresenta que hou coleta de biopsia pleural (material :liquido acastanhado) onde não foi diagnosticada a causa da patologia e outro exame de bioquimica q mostra alteração na isoamilase, negativa para cel neoplasicas e biopsia percutanea como processo crônico inespecífico, e eu ainda num consegui interpretatar p porque das alterações citadas acima, logo a resolução diagnostica de qual patologia podem por favor me ajudar ?!?!?1

  5. Ana Paula comenta:

    8 junho, 2008 @ 2:02 PM

    Olá, boa tarde! sou enfermeira de PS, gostaria de saber se no edema agudo de pulmão, há hipotensaõ, a ponto da pressão arterial ficar inaudível ? Qual o procedimento?

    Obrigada

  6. cleide comenta:

    22 junho, 2008 @ 3:04 PM

    EU SOU AUXILIAR DE ENFERMAGEM NÃO CONSEGUI ENTENDER QUANDO UM DIA A ENFERMEIRA ONDE TRABALHO ME DISSE QUE O PACIENTE HIV EM FASE TERMINAL HAVIA IDO Á OBITO POR EDEMA AGUDO, POR EU TER COLOCADO UM SORO O QUAL ESTAVA PRESCRITO SOROGLICO FISILOGICO DE 6/6h, O PACIENTE ESTAVA SEDADO NÃO RESPONDENDO Á NEM UM SINAL.FICO CURIOSA O QUE LEVOU O PACIENTE A´FOI MESMO O SORO,POR FAVOR ME TIRE ESSA DUVIDA. O SE O PACIENTE ESTAVA SUJEITO Á TER UM EDEMA AGUDO DE PULMÃO, PORQUE ELE ESTAVA RECEBENDO SORO 1000m DE 6/6h, A CULPA FOI MINHA?

  7. Dr. Armando Miguel Jr comenta:

    22 junho, 2008 @ 7:59 PM

    Cleide,
    É difícil responder sem conhecer o caso todo. Muitas causas podem levar ao edema pulmonar nos paciente com HIV, como miocardite pelo HIV, Pneumopatias, desproteinemias, nefropatias, etc. Por que estava sendo administrado 4 litros de soro-fisiológico? Excesso de líquido? administração muito rápida? Ou seja, muitas dúvidas.

  8. Marcia Dorneles comenta:

    27 junho, 2008 @ 1:03 PM

    Meu pai fez ponte de safena dia 02 deste mês de junho, ocorre que como foi retirada a glandula mamária (toraxica) ele teve um sangramento no pulmão que esta dificultando muito sua recuperação. Esta sendo tratado com antibióticos e nno útimo RX que fez (ainda sem a medicação) foi descito o seguinte: Persiste inalterado pequeno derrame pleural à esquerda etc… Esses achados podem estar relacionados a edema e/ou proceso inflamatório.
    Ele vem se sentindo fraco e com tonturas. Lí algumas matérias a respeito que sugeriam esse quadro como normal. O médico solicitou regresso somente dia 07 de julho e os médicamentos para o pulmão terminam dia 29 deste mês de junho, o RX nõa teria que ser feito imediatamente? ou tem um prazo depois da medicação? Estou confusa e preocupada. Se puder me orientar… abraços!

  9. arildo comenta:

    6 julho, 2008 @ 1:34 PM

    olá,minha mãe foi operada ponte de safena,foram tres,apos algumas horas depois da cirurgia que os medicos descreveram como sucesso,ela sofru uma parada cardiaca e que foi revertida,mas notei que alem de ela estar inchada,esta tambem entubada e com dreno no pulmao,queria muito saber se este quadro apenas destas intercorrencias é normal neste tipo de operaçao,e do que se refere este inchaço.

  10. patricia aragao comenta:

    10 julho, 2008 @ 1:58 PM

    boa tarde eu gostaria de saber quais sao os sintomas de portadores de estenose mitral e insuficiancia aortica, e refluxo tricuspide falta de ar como se a pessoa estivese sendo sufocada.

  11. Dr. Armando Miguel Jr comenta:

    10 julho, 2008 @ 5:11 PM

    Patrícia,
    A presença de lesão em 3 valvas cardíacas (mitral, aortica e tricúspide), em uma pessoa, é cada vez mais raro. Antigamente, quando existia muita febre reumática nas crianças, este fato era comum, hoje, não mais, graças a profilaxia realizada pelos cardiologistas e pediatras.
    Nesses casos de lesão nas 3 valvas, ocorrem muita congestão pulmonar e muita falta de ar. Veja as páginas de insuficiencia cardíaca, estenose mitral e insuficiência aórtica.

  12. alexandre sebastiao. comenta:

    12 julho, 2008 @ 10:40 AM

    gostaria de conheçer mais sobre o assunto , minha mãe está com estes sintomas eo medico
    pediu que ela se enternasse o mais rapido possivel, estou muito preocupado pois não conheço nada do que está acontecendo.

  13. cristiane comenta:

    20 agosto, 2008 @ 4:14 PM

    oi boa tarde .Acabei de perder minha mâe e o resultado da necropsia deu que a morte foi causada por insuficiência respiratoria aguda,devido a um edema agudo de pulmâo.
    Como pode ter ocorrido isso se tudo indicava que ela tivesse tido um infarto ,era uma pessoa saudável de 52anos morreu derrepente.Sera que houve muita ingestâo de soro
    .ou pode ter sido algo mesmo do coraçâo?Me ajude respondendo algo pois essa necropsia me deixou muito mais confusa.gostaria que me dessem uma explicação ,pois gostaria de saber mais sobre ees assunto.

  14. junior comenta:

    27 agosto, 2008 @ 3:39 AM

    Gostaria de saber se a vasoconstricao ou a vasodilatacao qual causa o edema de pulmao? e pq ?

  15. marcos leonardo comenta:

    9 setembro, 2008 @ 4:37 PM

    olá , acabei de perder meu irmão , tinha 30 anos praticava esporte e cuidava da saude + tinha
    diabetes tipo 1 e a causa mortis foi edema agudo do pulmão, gostaria de saber se é comum
    portadores de diabetes tipo1 sofrer este tipo de doênça . e o que leva a essa morte súbita ? ele
    faleceu dormindo.

  16. Geralda L[ucia comenta:

    3 outubro, 2008 @ 7:34 PM

    ola, perdi meu irm’ao recentemente de 40 anos, cuja tumografia deu o seguinte diagn[ostico. estenose pu oclus’ao do bronquio intermedio associado a grande consolida;ao no lobo inferior, adenomegalias hilares e mediatinais, derrame pleural, infiltrado intersticial ret[iculo nodular em ambos os pulmoes. Ele morreu entupado ap[os sofrer grande falta de . Tenho algumas d[uvidas, esta doen;a [e irrevesssivel neste caso

  17. roselene maia comenta:

    18 outubro, 2008 @ 3:30 PM

    olá, minha irmã sofreu um enfarto, do tipo 4, gostaria de saber qual os riscos que ela corre ao fazer o exame do cateterismo, sendo que 2 dos ventricúlos estaõ necrozados.

  18. karla comenta:

    6 novembro, 2008 @ 5:40 PM

    Boa Tarde !
    Gostaria de saber quais são os sinais e sintomas proprios de um edema agudo de pulmão, e se este pode ser uma causa secundaria a um outro problema cardíaco, obrigada!!!

  19. Fernanda comenta:

    11 novembro, 2008 @ 2:55 PM

    Boa tarde, vem minha mae passou por um edema agudo por 4 vezes durante dois anos..neste ultimo final de semana fomos ao P.A da minha cidade para que ela fizesse uma hemotransfusao sanguinea..e na metade da ultima bolsa de sangue ela pediu para ir ao banheiro e em seguida a pressao subiu de 100×60 para 160X100 e ja começou ter falta de ar, sudorese excessiva, dava para ouvir o ar borbulhando nos pulmoes como se fosse uma pessoa com bronquite, logo em seguida foi encaminhada a semi intensiva e foi constatada que realmente era Edema, isso pq ela saiu de uma infarto cerca de 4 meses atras e junto com o infarto ela fez quadro de Edema duas vezes..

  20. Socorro Rodrigues comenta:

    13 novembro, 2008 @ 8:02 PM

    Minha mãe suava muito à noite então passou a tomar remédios de pressão e do coração. agora apresentou um chiado no pulmão mas não tem falta de ar. Oque está acontecendo ?

  21. georgia comenta:

    3 dezembro, 2008 @ 6:41 PM

    Boa noite,foram feitas duas pontes de safena no meu pai no dia 19 de novembro a cirurgia foi um sucesso mais depois foi constado uma pneumonia ele continua na uti esta sedado e com tubos de oxigenio e estão tirando a secreção do pulmão.Estou muito preocupada sera que e normal isso acontece sera que ele tem chances de vida.Obrigado espero uma resposta

  22. William dos Santos Lopes comenta:

    4 janeiro, 2009 @ 11:16 AM

    Boa tarde me chamo william sou formado em Educaçâo Física, estou passando por momento dificil pois no ultimo dia 26 minha namorada passou mal com fortes dores no peito e nas costas e foi constatado edema pulponar em consequencia de uma pneumonia mas hoje já é dia 4 e ela paasou internada todos esses dias os primeiros dias em peruibe onde ela teve uma alta para a cidade que reside ao chegar já encaminhada para o hospital foi internada novamente foi feita duas drenagem com agulha no pulmão esquerdo dela onde na primeira vez a retirada foi de 300 ml que foi dito que era para exames para saber a causa, mas ontem falaram que o exame não esta pronto ainda e retiram mas 1400 ml ( um litro e quatrocentos) e só para porque entorto o caninho a agulha se poder me responder para tirar minha agonia e ela esta sem previsão para alta e se tem o risco de cirurgia se tive qual o procedimento ( a retirada do pulmão. Tenha uma otima tarde e muito obrigado

  23. Dina Costa comenta:

    12 janeiro, 2009 @ 7:27 AM

    Vivo hoje um gde pesadelo por ter perdido a 10 meses minha mãe de 72 anos com diagnóstico de edema agudo do pulmão, diabetes e pressão arterial,hoje eu não vivo vegeto, pois sinto culpa, por não ter percebido os sintomas antes de sair para o trabalho, mesmo não tendo deixado ela sozinha e ter acionado um parente proximo para leva;la ao hospital pois desconfiava q fosse algo q nescessitasse de um hospital, mas jamais imaginava q seria algo tão sério ao ponto de não dar tempo e ela falecer a caminho do hospital.Como a minha vida já perdeu mesmo o sentido e vivo em depressão fazendo tratamento psiquiatrico e psicoterapeutico, me responda se ela fosse socorrida a tempo estaria viva.

  24. ROSANE comenta:

    1 abril, 2009 @ 10:16 PM

    Boa noite, sou hipertensa e meu cardiologista disse que meu diagnóstico é cardiopatia hipertensiva com disfunção diastólica. Fiz um ecocardiograma onde diz que: tenho disfunção diastólica do ventrículo esquerdo grau I , mostra fluxo mitral com onda A maior que onda E, pressão sistólica de artéria pulmonar estimada de 31mmHg, refluxo mitral e tricúspide leves.Gostaria de saber qual é a gravidade destes resultados ? Tenho 38 anos, há alguns dias venho apresentando pés e pernas muito inchados, cansaço, taquicardia , dor precordial leve e hipotensão. Será que esses sintomas tem haver com esses resultados? gostaria de uma explicação o mais breve possível, por favor. Muito obrigada.

  25. João Batista da Silva Paiva comenta:

    26 maio, 2009 @ 7:40 AM

    Minha mãe não queixava problemas, somente uns arrotos constantes e altos que a incomodam e já havia alguns meses e faleceu com 84 anos numa quinta-feira. Perdeu a vontade de comer num sábado e já não suportava cheiro de comida e foi enfraquecendo. Chegou a sentir dores fortes no estômago Na quarta feira antes de falecer levamos ela para o hospital para internar e o médico disse que não precisava e deu soro via oral e remédio contra enjoou para tomar em casa. Quando fui apanhá-la no hospital ao meio dia disse para mim que estava no caminho da morte. Chegando em casa sentava e tentava recostar a cabeça nos braços no sófa e parece que dava agonia. Tentava recostar para o outro lado também não conseguia. Foi para a cama deitar com cabeceira alta. Estava agoniada o tempo todo. Chegou a tomar umas colheres de papa de arroz e estava tomando os remédios que o doutor passou. As pernas estavam frias. Não dormiu a noite e ficava na espectativa de urinar e não conseguia e também queria vomitar e não conseguia. Na madrugada do dia seguinte, na quinta-feira, 4 horas da manhã pediu um leite gelado para tomar mas não chegou a tomar pois nesta hora travou o queixo quando tentava tomar com a ajuda da filha e já não tinha forças para segurar a chicara , caiu os braços , foi desfalecendo e vomitou somente agua e parou de respirar. Foi tentado com a ajuda de agentes de saúde uma massagem , 15 minutos depois de chegarem e que no trabalho somente saiu grande quantidade de líquido e disseram que já estava morta. Será que tinha edema pulmonar agudo ou faleceu de infarto mesmo? Obrigado pela atenção.

  26. carina comenta:

    2 junho, 2009 @ 1:03 PM

    olá, meu nome é carina, meu pai morreu ha 2 dias, com edema agudo pulmonar,
    na hora achamos que ele estava sofrendo um ataque cardíaco, pois ele caiu de repente e n
    demonstrou mais nem um sinal de vida, e ha alguns dias ele estava reclamando de um queimor no peito. gostaria de saber a causa dessa doença, e se ele realmente morreu na hora ou se morreu por ter demorado socorro, pois qdo chegamos ao hospital ele ja estava morto.

  27. Ana Paula comenta:

    10 junho, 2009 @ 6:31 PM

    Olá, minha prima fez uma cirurgia de ponte de safena tem 1 semana e um dia e diz sentir muitas dores no peito e está com água na pleura. Gostaria de saber se esse sintoma e essa água na pleura são normais. Obrigada desde já.

  28. kleyber comenta:

    10 junho, 2009 @ 8:34 PM

    Olá boa noite, me chamo kleyber perdi o meu irmão recentemente com edema agudo de pulmão e cardiopatia crônica,um dia antes de falecer ele foi ao médico cardiologista ele disse k meu irmão não tava bem pediu alguns exames ele fez, precisou de mais um raio x, a máquina tava quebrada, não fez foi pra casa quando foi de madrugada passou mal chamou a samu tava com a pressão arterial muito alta deram uma injeção na veia dele ele logo veio a óbito. gostaria de saber se foi erro ele não ficar enternado?ou foi a injeção recebida pelo técnico samu.?ele ficava com falta de ar. desde de já agradeço.

  29. Érica comenta:

    22 agosto, 2009 @ 9:36 PM

    Olá, tenho uma duvida sobre o caso da minha afilhada…
    A mãe dela tem 16 anos, ela começou a sentir contrações no dia 17/08 as 22h e só foi operada (cesariana) às 16h do dia 18, pois os medicos esperaram até o ultimo momento para saber se ela teria passagem, quando viram q a sua pressão aumentou eles resolveram fazer a cirurgia. A sua filha nasceu de 9 meses, com quase 4 quilos, aparentemente saudavel, porem no primeiro encontro com a mãe, enquanto estava sendo amamentada começou a sentir falta de ar, foi constatado q seria edema pulmonar e sua melhora é muuito lenta!
    Neste caso quais foram os sintomas, ela correu ou ainda corre risco de vida, e ela sera dependente de remedios pelo resto da vida ?

  30. Juliana comenta:

    30 novembro, 2009 @ 3:11 PM

    Oie!
    Gostaria de saber se um paciente com o pulmão limpo pode passar em 2 dias a ter edema agudo pulmonar?

    Att.

    Juliana.

  31. patricia comenta:

    3 dezembro, 2009 @ 6:09 AM

    Bom dia , minha sogra esteve muito mal, dia 26.11.09 e foi ao P.S. Com dores nas costas e muita canseira, foi feito um raio x, pois a médica suspeitava de àgua no pulmão, ela estava com a pressão 9×5 , e foi medicada com uma injeção de lasix, inalação com 6 gotas de berotec e 20 gotas de atrovent, acetilciteína 200mg 16 envelopes e mais levofloxacino 500mg durante 10 dias. Diseram que por ela ter 84 anos e estar muito debilitada 40 Kg, não poderia administrar as 6 gostas de berotec e não mais que 6 comprimidos de levofloxacino 500mg, pois ela poderia ter complicações. Ela é hipertensa e toma atenolol 1 comprimido por dia e captopril 12,5mg 2 por dia, e durante esses dias sua pressão está baixa entre 8 ou 9 x 5 ou 6. Por favor me oriente , pois ela só tem a mim para poder cuidar de sua saúde.

  32. Ana comenta:

    19 dezembro, 2009 @ 10:07 PM

    Oi! Há uns 20 dias atrás, a amiga solteirona de mamãe que tem 72 anos e apenas um rim pediu para socorre-la porque estava passando mal. Ao chegar nos hospital que é há uns 5 min da casa dela, foi diagnosticado um edema pulmonar, fizeram até um cateterismo, mas não deu nada significativo no coração! Ela ficou internada por 5 dias na UTI e teve um inicio de parada cardiaca em consequencia do edema. Bom, ela teve alta logo depois. Ontem, ela ligou novamente pra socorre-la, mas avisou que estava bem pior que da outra vez, apresentando os mesmos sintomas, mas com maiseliminação de líquido espumuso e com dificuldade de respirar, meio engasgada… No caminho do hospital, ela perdeu os sentidos e babava demasiadamente muita espuma! Eu fiquei desesperada, muito nervosa! Só mandava meu noivo dirigir mais rapido! Eu chorava muito e nem se quer lembrei de fazer uma massagem cardiaca e respiração boca-a-boca de tão atordoada! Ao chegar la em menos de 2 min o medico tentou ressussita-la por quase 40 min, mas nao adiantou… Eu pergunto: será que ela sobreveveria se eu tivesse agido? Por favor, esclareça-me!

  33. luciana comenta:

    17 janeiro, 2010 @ 8:07 AM

    olá
    meu pai faleceu e no atestado deu como edema agudo de pulmão e iam
    gostaria de mais informações

  34. dami comenta:

    4 março, 2010 @ 7:03 PM

    me ajude cuido de paciente idoso , apaciente caiu é faturou o feme.a familia ach que a culpa é minha mas quando a paciente caiu estava junto com ele sera que a culpa e minha me ajude pos afamilia que entra na justiça

  35. Joelma - 43 anos comenta:

    9 março, 2010 @ 2:37 PM

    Estou chegando do hospital, onde fui atendida por estar com muita falta de ar aos menores esforços e taquicardia, sendo então diagnosticado bronquite, infiltração pulmonar e um leve e inicial edema agudo de pulmão (quase imperseptível), sou ex-fumante (desde dezembro/2008), fumei por 17 anos (1/2 carteira/dia), tive a primeira infiltração pulmonar em agosto do ano passado, bem no alge da H1N1 e gostaria de saber se este pequeno edema é devido à bronquite,o cigarro ou até mesmo a infiltração anterior, tenho como melhorar minhas condições respiratórias? Como? Você poderia me orientar?

  36. ANA PAULA DA SILVA comenta:

    16 março, 2010 @ 6:36 AM

    meu pai tem 74 anos esta com pressao totalmente descontrolada sempre acima de 160por 120 apresentando falta de ar apresentando edema nos membros inferiores sempre paercendo esta resfriado com uma corisa constante sem apetite muitas dores no corpo com sonolencia constante> por favor me oriente o ke devo fazer ? procurar uma emrgencia medica o seu cardiologista?? preciso de resposta urgente se for possivel.

  37. Milla comenta:

    19 março, 2010 @ 2:42 PM

    Urgente!!!
    Minha vó teve um AVC e no segundo dia de internação, após verificar-se a estabilidade do quadro, ela teve uma grave crise respiratória. Os médicos diagnosticaram edema pulmonar – provavelmente devido ao AVC-, desde a crise há 6 dias atrás ela está na UTI. Ela já tinha várias características que me levaram a crer que esse edema possa ser de longa data e talvez ele tenha causado o AVC já que aumenta a PA e ela tem hipertensão. Como o tratamento do edema é feito a partir da causa, gostaria de saber se eu tenho possibilidade de estar certa e se o tratamento muda nesse caso. OBS: Está sendo tratada a base de antibióticos e respirando com ajuda dos aparelhos, e stá sedada pois quando se tira os aparelhos a oxigenação cai consideravelmente.

  38. sonia comenta:

    26 março, 2010 @ 3:46 PM

    meu neto está com pneumonia, está tomando injeções, mas ainda soa muito á noite., é perigoso?, gostaria de obter uma resposta.obrigada

  39. CARLA GUEDES DUARTE comenta:

    6 agosto, 2010 @ 1:45 PM

    tulipa.vp.rj@hotmail.com,pois eu estou fazendo uma pesquisa sobre este assunto ,pois tenho que comentar no curso e dar aula sobre este assunto,para mim é muito importante evital falar o assunto.Agradeço(CARLA J.GUEDES DUARTE).

  40. CARLA GUEDES DUARTE comenta:

    6 agosto, 2010 @ 1:50 PM

    Olá,boa tarde eu estou estudando sobre este assunto para uma palestra no curso que estou fazendo.Obrigado por sua atnção(Carla Guedes Duarte).

    0)

  41. Luciana comenta:

    22 setembro, 2010 @ 3:38 PM

    Tenho uma amiga que tussiu constantemente por mais de 2 semanas e após um tratamento de 2 semanas com inalação com berotec eliminou 99% da tosse , em vez e quando tosse novamente. Mas o maior problema é a dor no ponto do pulmão. do lado esquerdo. Se tussir, espirrar é uma dor da morte. E ao respirar, bocejar etc tb doi. Apesar de fazer uma semana que sessou a tosse a dor continua. Minha duvida é EDEMA AGUDO DE PULMÃO. porque faz 2 semana que a dor não passar e apenas um espirrro agrava ainda mais a dor.

  42. thais mirtes comenta:

    20 dezembro, 2010 @ 11:21 PM

    olá meu nome é thais tenho 25 anos e a dois anos sofri um edema agudo pulmonar por a anestisia raquidiana,passei uma semana na uti ;gostaria de saber se e possivel engravidar novamente sem passar pelo mesmo problema?

  43. joão carlos comenta:

    1 abril, 2011 @ 3:20 PM

    oi gente meu nome é joão carlos . eu estava aspirando o paciente , após tres minuto c sonda n 14 após o procedimento o mesmo comesou a espulmar e foi em { tot } sera q eu f o procedimento errado.

  44. ellen comenta:

    2 abril, 2011 @ 2:11 AM

    boa noite perdi meu pai a 4 meses e no atestado consta edema agudo de pulmão, pressaõ arterial e diabetes mellitus, mas ele estava bem ja havia preparado a mala p uma viagem com minha mae, estava otimo na parte da manha conversamos rimos ate brincamos com as ccas meus filhos, so que teria que passar no dentista para consertar uma coroa que estava encomodando , estava trabalhando eu umas 15 hs qdo meu cel tocou dizendo que ele estava passando mal espumando pela boca e nariz.saiu do dentista apos tomar uma anestesia a qual o dentista disse que nao deu nenhuma anestesia mas ele chegou em casa passando mal dizendo que a boca estava formigando e ia morrer ,minha mae colocou no carro mas nao conseguiu infelizmente chegar em vida ao localcomo acontece isso não consigo entender o que houve em menos de 30m meu pai morreu como acontece assim rapido foi a anestesia por favor me expique

  45. juscione comenta:

    8 maio, 2011 @ 3:40 PM

    estou com uma pessoa entupada espero que ela saia logo e minha sogra ela ta nas maos de deus

  46. geane maria araujo comenta:

    15 julho, 2011 @ 8:58 PM

    eu tenho um problema de secresao no pulmao mais nao faço nem um tratamento esves possso noite acordada sem poder dormim com despineia forte mais aqui nao tem tratamanto pra esse problema nem medico e muito dificio fazer uma consulta

  47. carla comenta:

    18 outubro, 2011 @ 12:46 PM

    minha amiga esta com insuficiencia respiratoria cronica ela fuma desde os 12a nos e no momento tem 60 anos e não para de fumar , essa doença pode ser fatal para quem fuma ?

  48. juliana comenta:

    4 novembro, 2011 @ 8:47 AM

    isso e perigoso mais nao tanto e so comer direito que nao vaii pro pulmao
    concertesa eu trabalho em medisina

  49. juliana comenta:

    4 novembro, 2011 @ 8:49 AM

    agora se nao mastigar direito da e ingulir enteuro o arroz dai sim vai para o pulmao

  50. juliana comenta:

    4 novembro, 2011 @ 8:50 AM

    o pulmao e o que agente respira ele ajuda a nossa respiracao funcionar bastante mesmo sabe como e
    alguns nem dao bola outros dao

  51. vanilza marques comenta:

    25 dezembro, 2011 @ 10:35 PM

    boa noite! meu sogro sofreu um acidente ha 20 dias ele esta hospitalizado ele ficou na uti 10 dias por TCE e agora o medico diagnosticou edema pulmonar sera q´ele incharcou com soro ou pode ser pelo trauma ? outra duvida é q´ ele esta com o dreno de torax e ta drenando secreçao purulenta sera q´e´edema ou infecçao?

  52. favia scwanz comenta:

    25 março, 2012 @ 1:51 PM

    ola !a algum tempo eu e minha filha de 6 anoscomeçamos com uma tosse que nao parava tossiamos ate ficarmos sufocadas e começavamos a vomitar levei minha filha ao pediatra que depois de alguns esames naoaqchou nada de errado com ela , mas ficamos assim por meses ,sumiu do mesmo geito que apareceu derrepente era horrivel achava que ia morre com tanta falta de ar no dua principalmente a noite era pior o que poderia ocasionar isso? obs>eu nao procurei medico so minha filha

  53. thais maffeis comenta:

    31 outubro, 2012 @ 1:18 PM

    oi na minha primeira gravides tive um edema pulmonar estou gravida novamente tenho muito medo de ter outro edema

  54. Dr. Armando Miguel Jr comenta:

    7 novembro, 2012 @ 6:36 PM

    Thais.
    É muito importante voce conversar com os médicos que a atenderam na primeira gravidez e saber qual foi o motivo do seu edema pulmonar. Sabendo o motivo é possível previnir outro edema.

  55. EDNA comenta:

    29 março, 2013 @ 2:46 PM

    Minha mãe faleceu a 50 dias atrás, ela tinha problema de diabetes, pressão e coração tomava remédio. Três dias antes ela reclamou de dor de barriga muito forte, e a perna estava muito inchada, estava cansada também, levei ao pronto socorro e fizeram uma medicação e mandaro para casa, perguntei sobre a perna dela e o médico respondeu não é nada ela precisa de repouso. Fui para casa na segunda feira a falta de ar piorou minha irmã levou ele novamente medicaro e mandou para casa e disse que o problema dela era crônico, passou inalação, terça novamente fizerão a mesma coisa, so que na madrugada ela piorou levei novamente cheguei as duas e meia da madrugada no pronto socorro rapidamente socorreram e falou teria que ser tranferida para o hospital estava com edema pulmonar, entubaro e colocaram sonda, só que ela não aguentou e faleceu as onze horas,por favor me responda estou me sentindo culpada sera que se eu tivesse brigado des da primeira vez que fui que ocaso dela estava muito ruim ele estaria viva, e sera que houve negligencia médica. muito obrigada.

  56. Prof. Dr. Armando Miguel Jr comenta:

    29 março, 2013 @ 6:22 PM

    Edna.
    A gente sempre procura uma explicação para o por quê nosso ente querido morreu. Muitas vezes mesmo fazendo tudo certo, pelos parâmetros da medicina atual, a pessoa falece. Como explicar?
    Os serviços de Pronto Socorro deveriam ser locais onde os médicos mais experientes em emergências deveria atuar. Nesses locais, altamente equipados, deveriam recebe os pacientes com uma ficha clínica do médico que os está acompanhando. O que acontece é que geralmente os médicos dos pronto-socorros são jovens, com pouca experiência e não conhece absolutamente nada do paciente. Assim, é muito mais fácil cometer erros de diagnóstico e tratamento. Mas como um médico pode trabalhar bem, sem a retaguarda de um médico experiente que o ajude a aprender a cuidar das situações de emergência, sem equipamentos necessário para o diagnóstico, lotados de paciente, muitas vezes sem leitos para internar (temos vistos hospitais com pacientes em macas nos corredores).
    Edna, se sua mãe tinha diabetes, hipertensão e problemas de coração, após ter recebido os primeiros atendimentos no pronto socorro, era o médico que estava acompanhando e cuidando dela que voce deveria ter procurado. Pois, ele conhecendo a sua mãe poderia conduzir de forma adequada o caso. A dor forte que ela sentiu na barriga pode ter sido um infarto do miocárdio que pela a parede inferior do coração, nos médicos chamamos de infarto diafragmático. Mas, agora como saber?
    Assim, aconselho que voce tenha um médico de sua confiança para acompanha-la, fazendo um check up periódico. Mesmo que tenha que pagar uma consulta particular anualmente. Desta forma se voce tiver algum problema de saúde e este médico que voce deve procurar. Traga com voce um relatório de seu esta de saúde, últimos exames e medicamentos que usa. Se necessitar de uma atendimento num pronto socorro leve este documento com voce que ajudará e facilitará ao médico que te atender.

Deixe seu comentário aqui !